Economia, Notícias

Vendas de veículos crescem 21,3% e têm melhor primeiro quadrimestre desde 2015

Vendas de veículos crescem 21,3% e têm melhor primeiro quadrimestre desde 2015As vendas de veículos no­vos mantêm trajetória de recuperação iniciada no segundo semestre do ano passado e registraram, no primeiro quadrimestre, o melhor resultado para o período desde 2015.

De janeiro a abril foram emplacados 762.849 carros, comerciais leves, caminhões e ônibus, volume 21,3% superior ao apurado no mesmo intervalo do ano passado (628.861), segundo dados di­­vulgados, ontem (2), pela Federação Nacional da Distribuição de Veículos Auto­motores (Fenabrave), que representa as concessionárias.

O desempenho é o melhor desde os quatro primeiros meses de 2015, quando o total de licenciamentos somou 860.255 unidades. Porém, é 34,5% inferior ao registrado entre janeiro e abril de 2013 (1.164.166), o melhor da série histórica da Fenabrave.

Somente em abril, as vendas alcançaram 217.359 unidades, 38,5% acima do apurado no mesmo mês do ano passado (156.907).

Trata-se, também, do melhor resultado para o mês desde abril de 2015, que teve 219.377 emplacamentos.

Para o presidente da Fenabrave, Alarico Assumpção Júnior, o mercado se mantém firme em sua rota de recuperação. “A queda na inadimplência aliada à redução das taxas de juros têm favorecido as vendas”, disse em nota o executivo, ao destacar que, atualmente, a inadimplência da carteira de crédito do setor para pessoas físicas é de 2,5%, enquanto a da carteira para pessoas jurídicas é de 3,6%.

“Esses dados (de inadimplência) são os menores desde abril de 2011, o que favorece a oferta de crédito pelas instituições financeiras”, continuou o presidente da entidade.

No mês passado, a Fenabrave revisou para cima a maioria das projeções de vendas para o fechamento de 2018, em sintonia com a melhora do cenário econômico brasileiro. No segmento de automóveis e comerciais leves, por exemplo, a previsão saltou para crescimento de 15,2%, ante avanço de 11,9% anunciado no início do ano.

Segmentos

No corte por setores, o de automóveis e comerciais leves emplacou quase 210 mil unidades em abril, aumento de 37,8% ante o total licenciado no mesmo mês do ano passado. No acumula­do do primeiro quadrimes­tre houve alta de 20,5%, para 737.282 veículos.

O de caminhões e ônibus, por sua vez, emplacou 7.364 unidades em abril, aumento de 61,9% ante o total licenciado no mesmo mês do ano passado. No acumula­do do primeiro quadrimes­tre houve alta de 52,7%, para 25.567 pesados.

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*