Diadema, Política-ABC, Sua região

Vaguinho deve atuar como coordenador regional do PRB

Vaguinho procurou deputados do PRB para garantir emendas para cidade. Foto: Eberly LaurindoO vereador de Diadema e candidato derrotado no segundo turno na disputa pela prefeitura, Wagner Feitoza, o Vaguinho (PRB), deve ser confirmado nos próximos dias como coordenador regional do PRB. Além de atuar nas cidades do ABC, Vaguinho também pode ficar responsável pelas articulações e interlocuções políticas em outros municípios da região metropolitana. “Já falei pelo telefone com o ministro (da Indústria, Comércio Exterior e Serviços e presidente nacional licenciado do PRB) Marcos Pereira, que falou da minha importância no partido, de estar organizando a nossa região”, relatou. “Não falei com ele pessoalmente, mas deu a entender que tem essa pretensão, da gente estar trabalhando de forma mais regional e devemos fechar isso nas próximas semanas”, completou.

Vaguinho avalia que saiu fortalecido do processo eleitoral em sua primeira disputa majoritária. “A avaliação é muito positiva. Tivemos crescimento de 100% no segundo turno, tive 42,33% dos votos em uma campanha mais simples, mais humilde, com muito menos recurso. Menos gente, não estava com a máquina, não tinha comissionado, me sinto vitorioso”, afirmou. “Sai fortalecido dentro do partido e na política do ABC”, destacou.

Para o parlamentar, faltou tempo para apresentar suas propostas ao eleitorado e ganhar a eleição. “Faltou chegar a alguns locais, debater melhor os assuntos. Quando a campanha estava engrenando, acabou. O tempo foi muito curto”, explicou. “Talvez, com mais tempo, o resultado poderia ter sido diferente. A gente não estava adaptado ainda, ao tempo menor de campanha. Talvez a experiência da legislação nova, de chegar no eleitor mais rapidamente, talvez adotar outra estratégia”, ponderou.

Composição 

Apesar de não estar mais na Câmara na próxima legislatura, Vaguinho acredita que são poucas as chances do PRB compor com o governo reeleito. “Já deixei bem claro no partido. Teremos três lideranças na Câmara, não serei mais vereador, mas a principio, já gostaria que os partidos que foram aliados no primeiro e segundo turno e que elegeram parlamentares, discutir e compor uma chapa para disputar a presidência da Casa”, declarou.

Vaguinho afirmou que continua na oposição, mas destacou que quer o bem da cidade. “Não vou trabalhar pelo ‘quanto pior melhor’, muito pelo contrário. Acabou a eleição, fui falar com os deputados do PRB, pra garantir os recursos de emendas do deputado estadual Wellington Moura, que destinou R$1,2 milhão para aquisição de quatro aparelhos de tomografia e quatro aparelhos de mamografia, R$ 300 mil para compra de três ambulâncias e R$ 100 mil para APAE (Associação de Pais e Amigos do Excepcional)”, relatou.

“Amo minha cidade e quero ver o melhor. No que puder contribuir estou à disposição. Fomos oposição ao governo, mas a eleição acabou. Torço para que a cidade seja melhor administrada e a gente vai trabalhar para ajudar a cidade e a população”, finalizou o parlamentar.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*