Esportes, Paulistão

Tiago Nunes aprova 1º treino e vê Corinthians em forma em até 30 dias

O técnico do Corinthians, Tiago Nunes, aprovou nesta quarta-feira (1º) a primeira atividade dos jogadores com bola, na retomada dos treinos dos clubes paulistas. Após avaliações físicas e testes clínicos, o treinador acredita que, com a volta das atividades no gramado, o elenco deve recuperar sua melhor forma física daqui a pelo menos 25 dias.

“Foi um tempo de parada muito extenso, de quase 100 dias. Então a gente acredita que precisa no mínimo de 25 a 30 dias de preparação. É o período básico para voltar com segurança na integridade física e com ritmo de treinos básicos para voltar a competir”, comentou o treinador, em entrevista à Corinthians TV.

Nunes disse ter ficado satisfeito com o que viu em campo e não deixou de destacar a disposição dos jogadores, que encerraram jejum de quase 100 dias sem contato com a bola. “Os atletas pareciam crianças que voltavam a um parque de diversões. Nossa razão de existir no futebol é a bola. É o brinquedo que nos fez estar aqui. Os atletas se mostraram muito conectados aos treinos, com muita alegria para execução.”

O técnico também elogiou a forma física apresentada pelos jogadores e atribuiu o resultado aos trabalhos realizados pela preparação física durante a quarentena. “O departamento físico ficou responsável pelo controle diário dos treinamentos, pela rotina física dos atletas, pelas atividades que realizavam em casa, enquanto a comissão técnica ficou mais responsável por avaliações táticas e aspectos mais específicos do jogo. A gente acabou se reunindo algumas vezes para ter o feedback dos jogadores a tudo o que fizemos, mas houve sempre a interação diária com todo mundo”, revelou.

Na retomada das atividades com bola, o elenco principal atuou com a participação de atletas da base, dos times sub-20 e sub-23. Tiago Nunes explicou que a presença de Gabriel Pereira, Roni, Ruan Oliveira e Matheus Donelli se deve à necessidade da equipe de ter mais jogadores à disposição em razão da forte sequência de jogos que terá pela frente, na retomada do Paulistão.

“A intenção principal é deixar nosso grupo um pouco maior. Sabemos que o calendário da base está muito prejudicado neste ano, talvez nem tenham competição, não há previsão de retorno. Como achamos que terá acúmulo de jogos em pouco tempo, a gente resolveu aumentar o volume do grupo principal. Como não teriam a rotina diária, atletas de potencial técnico e história no clube passam a ser opções nos jogos e na rotina de treinamento”, disse o treinador.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*