Arte & Lazer, Cinema

Spcine quer lançar primeira versão de serviço de streaming em 2017

A Spcine, agência paulistana de fomento do cinema, pretende lançar ainda neste ano o SPVod, um serviço de vídeo on-demand destinado principalmente à distribuição na internet de longas brasileiros, principalmente paulistanos, fomentados pela agência.

A previsão é que a versão beta (em desenvolvimento) do serviço seja lançado em agosto de 2017, com dez títulos. O anúncio foi feito nesta quarta-feira (8) por Maurício Ramos, diretor presidente da Spcine, durante a feira audiovisual Rio Content Market.

O SPVod é uma consórcio público privado entre a Spcine, a O2 Play e o Hacklab.
Durante a Rio Content Market, a Spcine também lançou um aplicativo que funciona como catálogo para de locações para filmar em São Paulo, o SP Film Comission está disponível para Android.

Entre outros planos da Spcine para o ano está se aproximar com o governo Alckmin em busca de novos recursos. “Não posso dizer que está quente, mas está andando. É algo muito interessante”, declarou Ramos.

A agência também quer continuar com o Circuito Spcine, que leva salas de cinemas às periferias -a maior parte está instalada nos CEUs. Segundo dados da Spcine, mais de 250 mil pessoas estiveram nas sessões exibidas no ano passado. O plano é que neste ano mais cinco salas de exibição sejam instaladas.

A Spcine também afirmou que pretende continuar apoiando eventos destinados ao audiovisual como a Mostra, o festival É Tudo Verdade e a Comic Con, embora não tenha divulgado detalhes do orçamento disponível.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*