Economia, Notícias

Sicredi Vale do Piquiri ABCD PR/SP reduz juros do cheque especial

A Sicredi Vale do Piquiri ABCD PR/SP vai reduzir ainda mais os juros do cheque especial, beneficiando seus mais de 141 mil associados. A partir de 6 de janeiro de 2020, a cooperativa passa a contar com taxas a partir de 2,49% ao mês e sem a aplicação da tarifa de 0,25% autorizada pelo Banco Central do Brasil.

A partir do score do cliente, os cheques especial e empresarial (pessoa jurídica e MEI) terão juros que vão de 2,49% a 7,49%. Outra vantagem aos associados é que, pela re­solução do BC, as instituições financeiras estão autorizadas a cobrar tarifa de até 0,25% ao mês quando o limite de cheque especial disponibilizado for acima de R$500. A Sicredi que atende ao ABC não vai cobrar essa tarifa.

Mesmo antes da resolução do Banco Central, que determinou que os juros do cheque especial sejam li­mitados à taxa máxima de 8% ao mês, as da cooperativa já eram inferiores às aplicadas pelo mercado. Em 2019, o cheque especial na ins­tituição foi precificado a taxa média de 7,61%, inferior aos 12,2% que os bancos cobraram, em média.

“Atualmente, nossa taxa média de cheque especial é 38% menor do que a do mercado, enquanto no cheque empresarial, cobramos 44% a menos. Acima de tudo, priorizamos o equilíbrio financeiro dos nossos associados, que são parceiros, inclusive com participação nas decisões e nos resultados. Por isso, sempre damos a orientação de que os produtos de crédito sejam utilizados de forma consciente e para atender necessidades pontuais”, explicou o diretor-executivo da Sicredi Vale do Piquiri ABCD PR/SP, Moacir Niehues.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*