Esportes, Futebol, Paulistão

Sequência põe à prova boa fase do Água Santa

Jorginho deve repetir a equipe que derrotou o União Barbarense, no último sábado. Foto: Divulgação/Água SantaVice-líder do Campeo­nato Paulista da Série A2, o Água Santa vai por à prova nos próximos dois jogos, contra equipes que também estão no G4, a invencibilidade e boa fase da equipe reconstruída sob o comando do técnico Jorginho.

Hoje (18), o Netuno encara o terceiro colocado Bragantino às 16h, no Estádio Nabi Abi Chedid, pela sexta rodada da competição. Com 11 pontos, a equipe de Diadema assume novamente a ponta da fase de classificação em caso de vitória. Porém, se for derrotada, perde a vice-liderança para o rival, já que o Massa Bruta soma dez.

No próximo sábado, o Água Santa encara outra “pedreira”: o dérbi regional contra o líder São Caetano no Estádio Anacleto Campanella.

Jorginho deve colocar em campo a mesma equipe que derrotou o União Barbarense por 2 a 0 no último sábado, fora de casa. Contratado no início desta semana, o atacante William Batoré – ex-Avaí e com passagens por Santos e Ponte Preta – ainda não deve fazer sua estreia com a camisa do Netuno.

O time aposta no retrospecto como visitante. Em dois jogos, obteve duas vitórias e 100% de aproveitamento.

O Bragantino, por sua vez, vem embalado pelo empate sem gols com o Anápolis-GO, no meio da semana, que classificou a equipe para a segunda fase da Copa do Brasil  – o próximo adversário será o Vitória. O técnico Alberto Féliz faria ontem avaliação do elenco para saber quais atletas estão em condições para o jogo.

 

BRAGANTINO X ÁGUA SANTA

Árbitro: Adriano de Assis Miranda. Estádio: Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista, às 16h.

BRAGANTINO

Renan Rocha; Bruno Oliveira, Gilberto, Guilherme Mattis e Fabiano; Adenilson, Edson Sitta e Rafael Chorão; Adriano Paulista, Anderson Ligeiro e Vitor. Técnico: Alberto Félix.

ÁGUA SANTA

Richard; Paulo Henrique, Leandro Silva, Rodrigo Sam e Ivan; Patrik, Elias, Rai e Raphael Toledo; Robson Duarte e Danielzinho. Técnico: Jorginho.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*