Esportes, Futebol

Sequência de jogos preocupa o São Caetano

Martins: “É preciso pensar em um (adversário) por vez. Primeiro vamos focar no Mogi”. Foto: Fabrício Cortinove/AD São CaetanoO São Caetano tem hoje (21) nova chance de reassumir a liderança do Campeonato Paulista da Série A2. Em jogo que abre a 12ª rodada, o Azulão encara o Mogi Mirim, às 20h, no Anacleto Campanella. Será o primeiro duelo de “maratona” de quatro partidas em 12 dias.

Com 22 pontos na vice-liderança e dois atrás do Água Santa, o São Caetano busca o triunfo diante do Sapão para dormir na ponta e assegurar a permanência no G4 por mais uma rodada.

Na rodada passada, o ti­me do ABC derrotou o XV de Piracicaba por 3 a 2 no Barão de Serra Negra. Foi a segunda vitória do São Caetano longe do Anacleto Campanella. O Mogi Mirim, por sua vez, goleou o União Barbarense por 4 a 1, fora de casa.

O técnico do Azulão, Luis Carlos Martins, está preocu­pado com a sequência da equipe, que fará quatro partidas em 12 dias. O time encara o Oeste novamente em casa na sexta-feira; o Capivariano, no Interior, na quar­ta-feira seguinte, e o Barbarense, no dia 1º de abril.

“Vamos fazer quatro jogos em poucos dias, mas é preciso pensar em um (adversário) por vez. Primeiro vamos focar na partida de terça-feira. O Mogi Mirim é um time de tradição, mas vamos lutar pelo resultado positivo ao lado do nosso torcedor, que sempre nos incentiva”, afirmou o técnico, que não possui desfalque por suspensão.

Equilíbrio

O retrospecto entre os times é bastante equilibrado. Em 11 duelos realizados por competições oficiais, ca­da equipe conseguiu cinco vitórias e um compromisso terminou empatado. No último embate entre os times, em 2014, o Mogi Mirim ganhou por 1 a 0, pelo Campeonato Brasileiro da Série C.

SÃO CAETANO X MOGI MIRIM

Árbitro: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral. Estádio: Anacleto Campanella, em São Caetano, às 20h.

SÃO CAETANO

Lucas Frigeri; Alex Reinaldo, Sandoval, Eduardo Luiz e Bruno Recife; Esley, Ferreira, Paulinho Santos e Paulo Vinicius; Ermínio e Carlão. Técnico: Luis Carlos Martins.

MOGI MIRIM

Poti; Gustavo, Dedé, Emerson e Willian; Régis, Gilmar, Edinho, e Pretinho; Miguel e Vitinho. Técnico: Marcelo Veiga.

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*