Brasileirão, Esportes, Futebol

Sem espaço com Ceni, zagueiro Breno pode ser emprestado para ganhar ritmo

Breno participou de apenas seis partidas neste ano. Foto: Erico Leonan/SPFCRevelado nas categorias de base do clube em 2007, Breno tem relação estreita com o São Paulo, que deu contrato ao zagueiro na fase mais complicada de sua vida. Agora, porém, Breno pode deixar o clube. Depois de vê-lo participar de apenas seis das 25 partidas que o São Paulo disputou neste ano, diretoria e comissão técnica tentam encontrar um time onde o defensor tenha tranquilidade para seguir sua recuperação.

A ideia é ajudar na readaptação do atleta. Preso na Alemanha em 2011 acusado de incendiar a própria casa, Breno só voltou a atuar em 2015, mas disputou só seis jogos no ano por conta de lesões.

Na última temporada, Breno foi submetido a uma cirurgia para a retirada de enxerto no joelho direito, que havia sido implantado em 2010, nos EUA. Por isso, não foi tão simples sua volta aos gramados e Breno entrou em campo apenas em dois confrontos no ano passado.

Nesta temporada Breno diz estar recuperado, sem dores na região e apto a atuar, mas a disputa interna por uma vaga na equipe é intensa e tem sido difícil para Rogério Ceni dar uma chance para o zagueiro ganhar ritmo. Além dos titulares Rodrigo Caio e Maicon, o treinador tem para o setor Lucão, Lugano e Douglas.

O jogador tem gratidão ao São Paulo, mas também vê com bons olhos a possibilidade de defender outra equipe para receber mais oportunidade de mostrar serviço. Caso o São Paulo acerte a transferência, a negociação deve seguir os moldes da realizada com o meia Daniel, para o Coritiba. Assim, o jogador deve assinar a renovação do seu vínculo com o time do Morumbi, que termina em 31 de dezembro deste ano, antes de deixar o clube.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*