Uncategorized

São Paulo ajusta números e tem 26,3 mil mortes por coronavírus

O estado de São Paulo teve, desde o início da pandemia, 26.324 mortes causadas pelo novo coronavírus. O número incluí, além das 234 mortes registradas desde o último boletim, 221 óbitos que aconteceram no decorrer da pandemia. Em nota, o governo paulista afirma estar seguindo “as novas diretrizes do Ministério da Saúde aos estados e municípios, que prevê agora confirmação clínica”.

Ao todo, o estado tem 674.455 mil casos confirmados de covid-19. Dessas, 79,4 mil tiveram de se internar e conseguiram se recuperar. Atualmente, o índice de ocupação dos leitos das unidades de terapia intensiva (UTI) é de 58% no estado e de 56,8% na Grande São Paulo. São 5,4 mil pessoas internadas em UTIs com covid-19 e 7,2 mil em enfermaria, totalizando 12,6 mil pacientes hospitalizados.

Apenas dois dos 645 municípios paulistas não registram ao menos um infectado pelo coronavírus. Em 500 dessas cidades houve pelo menos uma morte pela doença.

As doenças do coração são a maior causa associada às mortes, presente em 59% das vítimas, seguida pelo diabetes mellitus (43,3%). A faixa entre 70 e 79 anos teve o maior número de mortes (6.616).

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*