Esportes, Futebol, Paulistão

São Caetano leva virada do Guarani e se complica ainda mais no Paulistão

São Caetano leva virada do Guarani e se complica ainda mais no Paulistão
O Guarani afundou o São Caetano no Brinco de Ouro. Foto: Leticia Martins/Guarani FC

O São Caetano chegou a estar na frente do Guarani neste sábado (23), no Brinco de Ouro da Princesa, e vislumbrava a possibilidade de deixar a zona do rebaixamento do Paulistão, mas levou a virada nos minutos finais e complicou ainda mais sua situação no campeonato. Assim, a equipe do técnico Pintado segue sem vencer no Estadual após oito partidas realizadas.

Com quatro pontos, o Azulão amarga a lanterna do Grupo A e a penúltima posição na classificação geral, dentro da na zona de rebaixamento. Agora, a equipe “seca” o antepenúltimo colocado Botafogo, que tem os mesmos quatro pontos, mas pode chegar a sete se vencer os reservas do Corinthians, neste domingo, no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto.

Apesar de Alex Reinaldo ter exigido boa defesa de Giovanni em cobrança de falta, o Guarani controlou as ações no primeiro tempo e assustou duas vezes com Fernando Viana. Porém, quem balançou as redes foi o time visitante, aos 37 minutos. Capa chutou cruzado e Bruno Mezenga completou de peito.

O Guarani voltou do intervalo com postura mais ofensiva, mas só conseguiu desencantar na segunda metade da etapa final. Aos 30 minutos, Léo Príncipe fez boa jogada individual pela direita e cruzou para Diego Cardoso empatar de cabeça.

Nove minutos depois, Thiago Ribeiro invadiu a área e bateu cruzado. Na tentativa de cortar, Max mandou contra o próprio gol Atrás do placar, o São Caetano pressionou nos minutos finais, mas sem ameaçar Giovanni.

Os dois times voltam a campo na próxima sexta-feira, pela nona rodada. O Guarani recebe a Ferroviária, às 21h, no Brinco de Ouro, em Campinas. O São Caetano tem pela frente o Mirassol, às 18h45, no estádio Anacleto Campanella.

 

GUARANI 2 x 1 SÃO CAETANO

Gols: Bruno Mezenga, aos 37 minutos do primeiro tempo. Diego Cardoso, aos 30, e Max (contra), aos 39 minutos do segundo tempo. Renda: R$ 38.975 (2.613 pagantes). Árbitro: José Cláudio Rocha Filho. Estádio: Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas.

GUARANI

Giovanni; Léo Príncipe (Carlinhos), Ferreira, Victor Ramos e Diego Giaretta; Ricardinho, Deivid, Jefferson Nem (Anselmo Ramon) e Thiago Ribeiro; Fernando Viana e Diego Cardoso (Matheusinho). Técnico: Osmar Loss.

SÃO CAETANO

Luiz Daniel; Alex Reinaldo, Joécio, Max e Capa; Pablo, Vinícius Kiss, Ferreira (Esley) e Vitinho; Minho (Marquinhos) e Bruno Mezenga (Diego Rosa). Técnico: Pintado.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*