Esportes, Outros Esportes

São Bernardo tem quatro atletas nas lutas principais do 50º WGP Kickboxing

São Bernardo tem quatro atletas nas lutas principais do 50º WGP Kickboxing
Ginásio Poliesportivo recebe a 50ª edição do evento. Foto: Divulgação

O Ginásio Poliesportivo de São Bernardo vai receber neste sábado (24), a partir das 18h40, a 50ª edição do WGP Kickboxing, evento realizado desde 2011 e que reúne os principais atletas da modalidade no Brasil e na América Latina. A noite terá três disputas de título. Os ingressos variam de R$ 50 a R$ 280 e estão disponíveis no site do Ingresso Rápido (www.ingressorapido.com.br).

Na luta principal, dois atletas de São Bernardo disputam o cinturão dos meio-médios (até 71,8kg): Bruno Gazani e Robson Minotinho. Bruno vai para a primeira defesa de título após conquistar o cinturão da categoria. Aos 32 anos, tem histórico de 14 lutas realizadas no WGP e apenas duas derrotas, ambas para o ex-campeão Ravy Brunow.

Com a subida de categoria do algoz no início deste ano, o cinturão ficou vago e Bruno conquistou o título com vitória sobre Marcelo Dionisio, na edição 44. O atual campeão é, sem dúvida, a principal atração do show, até por atuar em São Bernardo, cidade onde mora e treina.

O desafiante Robson Minotinho também chega motivado por cinco vitórias consecutivas no WGP, as três últimas por nocaute. Aos 25 anos, tem cartel de dez vitórias em 12 lutas. Natural de Jeremoabo (BA) e radicado em São Bernardo, conquistou a condição de desafiante após vencer o Challenger GP da categoria na edição 44.

O campeão dos leves Hector Santiago defende seu cinturão pela terceira vez, após conquistá-lo na edição 36, diante de Bruno Cerutti. Aos 25 anos, Hector defende também a invencibilidade no WGP em oito lutas disputadas. Na carreira, o atleta de São Bernardo soma apenas três derrotas.

Do outro lado estará Diego Piovesan, lutador da equipe União ABC, a mesma de Bruno Gazani. Aos 27 anos, Piovesan se qualificou após vencer o Challenger GP da edição 48, realizada em Buenos Aires, em agosto. Piovesan também é de São Bernardo e defende invencibilidade de seis lutas no WGP.

Na outra disputa de cinturão da noite, Cesinha Almeida e Lucas Alsina se encaram pelo título vago dos cruzadores (até 85,1kg), após Alex Pereira, o Poatan, também de São Bernardo, abrir mão do título em razão do seu contrato de campeão do Glory. Com 16 lutas realizadas só no WGP, sendo 12 vitórias, Cesar Almeida estará em praticamente em casa no evento.

Seu oponente, o argentino Lucas Alsina, soma 50% de aproveitamento em quatro lutas disputadas no evento, mas sempre na divisão dos pesados e encarando pedreiras como Guto Inocente e Ariel Machado, dois dos melhores kickboxers peso por peso do país.  O argentino fará a segunda luta em sua nova categoria, já lutando pelo cinturão.

O evento conta com o apoio da Prefeitura de São Bernardo e terá transmissão ao vivo pelo canais Combate, Bandsports e Fox Sports a partir de 22h30.

Serviço – WGP #50. Sábado (27), a partir das 18h40, no Ginásio Poliesportivo Adib Moyses Dib (Avenida Kennedy, 1155, São Bernardo). Ingressos: www.ingressorapido.com.br. Transmissão ao vivo do card principal pelos canais BandSports, Fox Sports e Combate.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*