Esportes, Paulistão

São Bernardo perde do São Bento por 3 a 0 e se complica na Série A2

São Bernardo perde do São Bento por 3 a 0 e se complica na Série A2
O São Bento abriu boa vantagem para a partida de volta, no Primeiro de Maio. Foto: Neto Bonvino/ECSB

O São Bento aproveitou o fator casa e abriu boa vantagem no jogo de ida das semifinais da Série A2 do Campeonato Paulista. No estádio Walter Ribeiro, em Sorocaba, o Azulão derrotou o São Bernardo por 3 a 0 com gols de Alex Guedes (contra), Bambam e Igor.

As duas equipes voltarão a se enfrentar na próxima terça-feira (29), às 15h, desta vez no estádio Primeiro de Maio.  Com o resultado, o São Bento poderá perder por até dois gols de diferença no jogo de volta, que assim mesmo ficará com o acesso e com a vaga na final. O São Bernardo precisa de vitória por quatro ou mais gols. Em caso de triunfo por três gols de diferença, a decisão irá para os pênaltis.

Vindo de uma maratona de jogos, o São Bento – que disputa também a Série C do Campeonato Brasileiro – não quis saber se o São Bernardo estava mais descansado e foi para cima do adversário. Tanto que não demorou para abrir o placar. Aos nove minutos, Denner cobrou falta fechada da direita e contou com o desviou de Alex Guedes, que testou contra a própria meta para colocar os sorocabanos em vantagem.

Mesmo na frente, o time mandante seguiu em cima e ampliou aos 16 minutos. Pablo fez cruzamento cheio de veneno na área e a bola foi em direção ao gol. O goleiro Moisés Júnior foi fazer a defesa, mas se atrapalhou e soltou a bola. Esperto, Bambam aproveitou e só teve o trabalho de escorar para o fundo das redes.

Após os sustos, o Tigre tentou equilibrar o duelo e até chegou a balançar as redes. Aos 23 minutos, após bate e rebate na área, Allan Guedes tocou para o gol em situação irregular, mas o gol foi anulado após análise do VAR, utilizado pela primeira vez na Série A2. No fim do primeiro tempo, o São Bento também ficou em vantagem numérica, após a expulsão de Rodrigo Souza, também em lance que teve intervenção do VAR depois de falta temerosa no meia Thiago Primão.

Na volta do intervalo, o ritmo do jogo caiu um pouco. Enquanto o São Bento passou a controlar bem a vantagem, o São Bernardo tentava responder em contra-ataques rápidos, mas sem sucesso. Tanto que a primeira jogada de perigo do segundo tempo só foi acontecer aos 32 minutos. Em uma bola parada do time visitante, Marlyson aproveitou cruzamento da direita e bateu de primeira. A bola desviou na zaga e saiu por cima do gol.

A resposta do São Bento veio em forma de mais um gol. Aos 33, Igor disparou do meio-campo, passou por quatro defensores, invadiu a área e bateu na saída do goleiro do São Bernardo, que nada pode fazer. Nos minutos finais, o Tigre foi para o tudo ou nada, em busca de pelo menos um gol, mas sem sucesso. Com isso, o duelo terminou com a vitória dos mandantes por 3 a 0.

SÃO CAETANO

Na outra semifinal, XV de Piracicaba e São Caetano fazem o primeiro duelo nesta quarta-feira (23), às 17h, no estádio Barão de Serra Negra. A volta está marcada para a quarta seguinte, às 16h30, desta vez no Anacleto Campanella.

 

SÃO BENTO 3 X 0 SÃO BERNARDO

Gols: Alex Guedes (contra), aos 9; e Bambam, aos 16 minutos do 1º tempo. Igor, aos 32 minutos da 2ª etapa. Árbitro: Douglas Marques das Flores. Cartão Vermelho: Rodrigo Souza. Estádio: Walter Ribeiro, em Sorocaba.

SÃO BENTO

Lucas Macanhan; Alisson (Allan Vieira), Douglas Assis, Bruno Leonardo e Marcelo; Fábio Bahia, Thiago Primão (Evandro) e Denner (Adriel); Jair (Misael), Bambam e Pablo (Igor). Técnico: Edson Vieira.

SÃO BERNARDO

Moisés Jr; Lucas Mota, Guilherme Mattis, Luanderson e Fernando Júnior (Natan); Rodrigo Souza, Alex Guedes (Leandro Amaro), Léo Jaime (Douglas Santos), Allan Dias e Léo Cereja (Ítalo); Gildo (Marlyson). Técnico: Marcelo Veiga.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*