Brasileirão, Esportes

Santos busca liderança e fim de tabu de cinco anos diante do Flamengo

Santos busca liderança e fim de tabu de cinco anos diante do Flamengo
Sampaoli estará pela primeira vez à beira do campo no Maracanã. Foto: Ivan Storti/Santos FC

O Santos terá a chance de reassumir a liderança do Campeonato Brasileiro neste sábado (14), diante do Flamengo, em confronto direto que acontece às 17h, no Maracanã, pela 19ª e última rodada do primeiro turno. Além da grande fase que vive o adversário, o time paulista terá de superar tabu de cinco anos sem bater os cariocas no estádio mais famoso do país.

Desde 4 de outubro de 2014, quando fez 1 a 0, com gol do atacante Robinho, a vitória no confronto não é dos santistas quando o jogo tem lugar no Estádio Mário Filho. Desde então, foram três confrontos que contabilizaram dois triunfos do Flamengo e um empate por lá.

A equipe da Baixada Santista ainda saiu de campo vencedora deste duelo atuando no Rio em 2017, quando fez 2 a 1 (gols do hoje rubro-negro Bruno Henrique e Arthur Gomes para os paulistas), mas a partida foi realizada no estádio Luso-Brasileiro, na Ilha do Governador.

Para o atacante Marinho, não há discussão sobre a força da equipe da casa mais uma vez. “O favoritismo é do Flamengo, pelo investimento e por tudo que fazem”, disse o camisa 11 santista – que, em seguida, acrescentou que o jogo não merece todo esse peso de “decisivo” que tem despertado entre jornalistas e torcedores.

“Estamos cientes de que vai ser um grande jogo, que todos esperam. Vocês falam de título simbólico, mas ainda há muita coisa, serão 19 jogos depois. Será uma partida que todos esperam e temos nos preparado bem por aqui”, comentou.

Para o técnico Jorge Sampaoli, será a primeira vez que estará à beira do campo no Maracanã como técnico do Santos. Entretanto, já foi o algoz dos cariocas em outra partida no Rio. Em 19 de outubro de 2011, pelas quartas de final da Copa Sul-Americana, era ele o técnico da Universidad de Chile que bateu o Flamengo, então comandado por Vanderlei Luxemburgo, por um impiedoso placar de 4 a 0, mas o jogo ocorreu no Engenhão.

O argentino tentará fazer estreia inesquecível no estádio que foi palco das finais das Copas do Mundo de 1950 e 2014 contando com os reforços de Victor Ferraz, que cumpriu suspensão, e os atletas que voltam de amistosos por suas seleções: Jorge, Soteldo e Cueva (relacionado após quase quatro meses de ausência na lista).

Por outro lado, o volante Diego Pituca está suspenso pelo terceiro cartão amarelo e deve ser substituído por Alison. Além dele, ficam de fora o meia Evandro, lesionado, e Pará – que, por questões contratuais, não pode atuar contra o Flamengo, que o emprestou ao Santos.

Do outro lado, o técnico Jorge Jesus terá à disposição todo o elenco. As únicas exceções são o meia Diego e o atacante Lincoln, que se recuperam de graves lesões e já desfalcam o time há muito tempo.

Assim, o treinador português contará com as voltas dos titulares Rodrigo Caio, que cumpriu suspensão e estava lesionado; Bruno Henrique e Arrascaeta, ambos retornando de amistosos por suas seleções. Pelo mesmo motivo destes, o colombiano Berrío ficou de fora da vitória por 3 a 0 sobre o Avaí, em Brasília, na última rodada, e estará novamente como opção no banco de reservas.

FLAMENGO X SANTOS

Árbitro: Braulio da Silva Machado (SC). Estádio: Maracanã, às 17h. TV: Premiere.

FLAMENGO

Diego Alves; Rafinha, Rodrigo Caio, Pablo Marí e Filipe Luís; Willian Arão, Gerson, Arrascaeta e Everton Ribeiro; Bruno Henrique e Gabriel Barbosa. Técnico: Jorge Jesus.

SANTOS

Éverson; Lucas Veríssimo, Felipe Aguilar e Gustavo Henrique; Victor Ferraz, Alison, Carlos Sánchez e Jorge; Soteldo, Marinho e Eduardo Sasha. Técnico: Jorge Sampaoli.

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*