Economia, Notícias

Santo André e Diadema ganham mais 400 vagas em cursos superiores a distância gratuitos

Serra assina convênio ao lado do vice-prefeito Ailton Lima: “passo para a universalização do ensino superior”. Foto: Ricardo Trida/PMSAAs prefeituras de Santo André e Diadema assinaram ontem (7), no Palácio dos Bandeirantes, convênio com a Universidade Virtual do Estado de São Paulo (Univesp) para a criação de 200 vagas cada de ensino a distância gratuitos. O anúncio eleva dos atuais 180 para 580 o número de vagas disponíveis em polos si­tuados nos dois municípios.

Atualmente, a Univesp dispõe em Santo André de cursos de Licenciatura em Física e em Química – que, juntos, somam 80 vagas. Em breve, o município também passará a oferecer os cursos de Pedagogia, Licenciatura em Matemática e Engenharias da Produção e da Computação, os quais ampliam o total para 280 vagas.

Em Diadema, a Universi­dade Aberta do Brasil (UAB) oferece os cursos de licenciatura em Física e Engenharias de Produção e de Computação, atualmente com 100 alunos matriculados. Graças à assinatura do novo convênio, serão oferecidas mais 200 vagas para os cursos de Pedagogia e Licenciatura em Matemática, totalizando 300 alunos no polo da cidade.

Com a assinatura de 38 convênios ontem, a universidade completa 100 polos em 63 cidades do Estado. Juntos, terão à disposição aproxi­ma­damente 16,4 mil vagas.

Os polos são espaços nos municípios que oferecem a infraestrutura (computadores, impressoras e acesso à internet) para o estudante participar das atividades da universidade, como provas, discussões em grupo e de trabalhos orientados por tutores.

Criada em 2012, a Univesp é uma fundação mantida pelo governo do Estado. Considerada a quarta universidade paulista, man­tém parcerias com USP, Unesp, Unicamp e Centro Paula Souza para o desenvolvimento do conteúdo e coordenação dos cursos.

“Destaco que 85% dos estudantes vêm da escola pública. São Paulo não deixa ninguém para trás, pois leva ensino universitário de qualidade, gratuito e a distância. O aluno faz seu horário e estuda pela internet, com material pedagógico bem ela­borado”, comentou o governador Geraldo Alckmin (PSDB), durante a cerimônia.

Para o prefeito de Santo André, Paulo Serra (PSDB), os cursos são passos importantes para a universalização do ensino superior. “A Univesp dá chance às pessoas de ter acesso a novos cursos com horários flexíveis e o conforto que o ensino virtual proporciona”, afirmou.

“Ampliar a oportunidade de as pessoas estudarem e se desenvolverem é um dos objetivos do governo”, comentou o prefeito de Diadema, Lauro Michels (PV).

A Univesp realizou recentemente vestibular para os cursos deste ano de Engenharias da Computação e de Produção, Matemática e Pedagogia. A primeira chamada dos aprovados será divulgada hoje e as matrículas podem ser feitas amanhã e quinta-feira.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*