Esportes, Futebol

Santo André anuncia expansão das categorias de base

Sidney Riquetto,  Marcos Fernandes Filho e Celso Luiz de Almeida, durante apresentação do projeto. Foto: Divulgação/EC Santo AndréTrabalhando jovens ho­je para formar craques amanhã. É com essa filosofia que o Ramalhão apresentou ontem (26) a expansão do Projeto Jovem Santo André, com a reativação das categorias de base sub-13, sub-15 e sub-17 do clube. As três se juntarão ao sub-20, que atualmente disputa o Paulista da categoria.

O evento também marcou a apresentação da nova ambientação da sala de imprensa do Estádio Bruno José Daniel, parceria do Santo André com as empresas de comunicação Claro e NET.

Com painéis que fazem referência à conquista da Co­pa do Brasil de 2004 e têm trechos do hino e da história do clube, o local agora estará ainda mais preparado para atender a imprensa.

O Ramalhão pretende voltar a ser uma referência na base. O clube foi campeão do principal torneio de jovens do futebol brasileiro – a Copa São Paulo de Futebol Júnior – em 2003 e é conhecido no cenário nacional por formar e revelar diversos atletas, que atuam ou atuaram nos principais clubes do país, ou chegaram a grandes centros, como a Europa.

Para comandar as categorias as três categorias reativadas, o Ramalhão contratou Reinaldo Oliveira, ex-jogador com passagens por Santo André, São José, Marília e Palmeiras, e que já atuou na função alguns anos atrás.

A categoria sub-20, última etapa antes do ingresso no profissional, continuará sendo comandada por Ari Mantovani e Tassio Lopes.

“O Projeto Jovem Santo André é uma grande oportunidade para que garotos realizem o sonho de se tornar jogadores de futebol. É ótimo também para o Santo André, que contará com atletas formados em casa, já adaptados ao ambiente, à torcida e ao clube”, disse Sidney Riquetto, vice-presidente do Ramalhão.

Atualmente, o Ramalhão tem alguns jogadores formados na base emprestados para outros clubes. Na Série B do Campeonato Brasileiro há três: o lateral-esquerdo Paulinho e o atacante Guilherme Garré, no Boa Esporte-MG; e o volante Dudu Vieira, no Figueirense-SC. O XV de Jaú tem o zagueiro Héliton e o atacante Vinícius Cabelo.

Clubes de maior expressão também contam com jo­gadores andreenses. São os casos de São Paulo e Santos, que contam, respectivamente, com o atacante David Ribeiro e com o lateral-esquerdo Gilberto Jesus, o Bahia.

Copa Paulista

Questionado sobre a ausência do Santo André na Copa Paulista, que é disputada pelos clubes com o objetivo de revelar jogadores para a temporada de estaduais seguinte, o vice-presidente destacou que o torneio é deficitário.

“Buscamos sempre formar equipes vitoriosas, mas para isso é preciso ter responsabilidade financeira. Não podemos gastar aquilo que não temos. Por isso, abrimos mão do segundo semestre para o profissional”, disse Riquetto. “Agora é o momento de investir recursos na base e formar jogadores que serão bem utilizados aqui. Depois, nós trabalharemos para conseguir boas negociações e, consequentemente, elevar as nos­sas receitas”, prosseguiu.

 

Inscrições para o projeto podem ser feitas na bilheteria do Bruno Daniel

O projeto Jovem Santo André é destinado a meninos que nasceram entre 1997 e 2005. As inscrições são feitas somente na bilheteria do portão J do Estádio Bruno José Daniel, de segunda a sexta-feira das 8h às 17h, e aos sábados das 8h às 12h.

Os candidatos devem levar documento original com foto e atestado médico válido. A taxa de inscrição é de R$ 30. Todos os participantes do projeto ganharão uma camisa exclusiva.

Mais informações sobre o projeto podem ser obtidas no Departamento de Futebol Amador do Santo André, pelo telefone 4458-2483.

Revelações

Entre os jogadores revelados nas categorias de base do Santo André figuram os atacantes Maikon Leite e Nunes, os volantes Ramalho, Makelele e Richarlyson, os zagueiros Rogério Corrêa e Vitor Hugo, o goleiro Júnior Costa e o lateral Pará.

 

3 Comentários

  1. ola caros diretores de base, sou Carlos Troia e trabalho com atletas de base, assim sendo gostaria de obter mais informações como encaminhar os atletas para fazerem avaliações em vosso clube

  2. ROSELI ALVES DOS SANTOS

    Meu filho tem 12 anos , nascido em 2007 , tem chances de ele treinar com vcs?

  3. mauricio jose bertolone

    Prezados

    Bom dia !

    Gostaria de submeter meu filho Gustavo Bertolone , nascimento 13/10/2006 a um teste para uma possível vaga neste clube na categoria de base . Ele é zagueiro e acaba de participar de uma copa realizada pelo Santos FC em Minas Gerais se destacando. Treina ultimamente em uma unidade das escolas oficiais do Santos FC em SP.
    O que preciso fazer para tentar esta oportunidade ?

    Abraços

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*