Uncategorized

Riacho Grande comemora 70 anos com árvore de Natal ecológica

Quatro anos depois de São Bernardo ganhar sua autonomia, foi a vez do Riacho Grande deixar de ser um bairro para se tornar um distrito. Esse reconhecimento enfatizou a importância do local, que, há 70 anos, ganhou uma subprefeitura e a descentralização de todos os serviços públicos. A cele­bração dessa conquista ocorreu nesta quarta-feira (12), quando foram acesas as luzes de uma árvore de Natal ecológica, especialmente instalada no trevo de acesso ao distrito, no Km 29 da Rodovia Anchieta.

O Riacho Grande possui importância estratégica para São Bernardo. No século XVI, o local abrigava trilhas que ligavam São Paulo ao Litoral. A região foi a tomada por uma rede de serviços para viajantes, como pousadas, pequenos comércios e alimentação, que movimentavam a economia local.

Com o crescimento das moradias urbanas em São Paulo, e para abastecer a linha férrea, as atividades de extração de madeira e venda de carvão tornaram-se prósperas. Vários imigrantes em Riacho Grande se dedicaram a elas. Em 1927, com a criação da Billings, parte da vila foi tomada pelas águas.

Paralelamente, se desenvolvia a indústria moveleira em São Bernardo, que teve berço em Riacho Grande, com a criação, em 1889, pelo ita­liano Fortunato Finco, de uma serra­lheria. Com a ascensão do setor automobilístico, o Riacho Grande ganhou nova vocação ao investir no Turismo. A região recebe milhares de pessoas por ano na Prainha e no Parque Estoril.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*