Esportes, Libertadores

Reforços ficam fora de estreia do Corinthians

Reforços ficam fora de estreia do Corinthians
Cássio: “Acho que (altitude de Bogotá) não influencia”. Foto: Marco Galvão/Fotoarena/Folhapress

Sidcley fez seu primeiro treinamento pelo Corinthians ontem (26), mas o lateral esquerdo e os demais reforços que chegaram recentemente – Marllon, Ralf e Matheus Matias – não fazem parte da delegação que está em Bogotá para a partida contra o Millonarios, amanhã, às 21h45. Será a estreia do time alvinegro na Copa Libertadores.

Também ficou em São Paulo o meia Rodriguinho, suspenso por sua expulsão no jogo contra o Racing, pela Copa Sul-Americana do ano passado. Fábio Carille definirá hoje seu substituto.

Caso opte por manter o esquema sem um atacante de referência, o treinador poderá promover a entrada de Mateus Vital. Se a escolha for por um atleta que atue mais adiantado, Danilo, Emerson Sheik e Lucca são candidatos.

A equipe tomará forma a partir das 21h (de Brasília) de hoje. Carille comandará treinamento na capital colombiana e trabalhará a formação que enfrentará o Millonarios.

Altitude

A equipe enfrentará os colombianos nos 2.640 metros de Bogotá, mas a altitude não preocupa o goleiro Cássio.

“Acho que não influencia. Talvez a bola seja um pouco mais rápida, mas acredito que não mude muito”, disse o arqueiro, que tem experiência no estádio El Campín, palco do duelo de amanhã à noite.

Cássio atuou no estádio duas vezes. Em 2013, participou de vitória por 1 a 0 sobre o próprio Millonarios. Em 2016, esteve no empate por 1 a 1 com o Santa Fe.

“É um campo rápido, de qualidade muito boa, sempre com bom público. A torcida do Millonarios empurra. Será um jogo complicado, estilo Libertadores mesmo”, disse o goleiro.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*