Esportes, Paulistão

Recém-contratados, Nenê e Diego Souza têm a titularidade em risco no São Paulo

Recém-contratados, Nenê e Diego Souza têm a titularidade em risco no São Paulo
Petros retorna à equipe contra a Ferroviária. Foto: Erico Leonan/SPFC

Depois de duas derrotas seguidas, o São Paulo volta amanhã (25) a campo pelo Campeonato Paulista. O duelo será contra a Ferroviária, às 17h, no Morumbi, que não deve ter casa cheia devido à insatisfação da torcida.

Ameaçado no cargo, o técnico Dorival Júnior vai fazer alterações na equipe, sendo duas delas por necessidade.

O lateral esquerdo Reinaldo está suspenso e o volante Jucilei tem lesão na coxa direita. Os substitutos são Edimar e Hudson, que vai continuar no time mesmo com a volta de Petros.

A dúvida está no sistema ofensivo. Com o Tricolor apresentando futebol lento e que pouco ameaça o adversário, o técnico pode tirar um dos contratados desta temporada. Por isso, o meia Nenê e o meia-atacante Diego Souza se veem candidatos a sair.

No treino de ontem, Dorival não mostrou a equipe porque os jogadores que atuaram mais de 45 minutos contra o Ituano foram preservados no trabalho técnico.

Entretanto, chamou a atenção uma conversa do comandante com Nenê. Caso o meia seja sacado, Diego Souza pode recuar e Brenner entraria na frente. Ou, ainda, o camisa 9 continuaria na mesma posição e outro meio-campista, como Shaylon, ganharia uma oportunidade.

O técnico do São Paulo decidirá hoje a formação. Por isso, apesar de remota, não está descartada a possibilidade de até mesmo Diego e Nenê virarem reservas.

“Entendemos a insatisfação do torcedor. Precisamos de um bom ambiente em casa para conseguir as vitórias”, disse o goleiro Sidão.
Com fadiga muscular, os atacantes Valdívia e Tréllez foram poupados da atividade em campo.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*