Esportes, Futebol, Paulistão

Recém-contratado, Thomaz deve estrear pelo São Paulo amanhã, contra o Linense

Thomaz disse que se sente "voltando para casa". Foto: Rubens Chiri/SPFCO novo reforço do São Paulo pode ganhar oportunidade de estrear já amanhã, contra o Linense. O meia Thomaz, de 30 anos, treinou com o time e está inscrito para as fases decisivas do Campeonato Paulista.

Na atividade de ontem (31), o técnico Rogério Ceni separou 12 jogadores. Eram os prováveis titulares, sem o goleiro, e dois atletas a mais: Buffarini, Maicon, Rodrigo Caio, Júnior Tavares, Jucilei, Thiago Mendes, Cícero, Wellington Nem, Luiz Araújo, Lucas Pratto, Thomaz e Gilberto. Estes dois últimos brigam com Wellington Nem pela vaga que seria de Cueva. O peruano está machucado e deve perder três semanas de decisões.

Thomaz pode sair na frente na concorrência por ser o meia articulador que Rogério Ceni pedia. Ainda que o jogador não comece como titular, a chance é grande de entrar no decorrer do jogo, para que o comandante o avalie.

O jogador não só sabe atuar pelo meio, como também pelas pontas. “Sou meia-atacante e gosto de ir em direção ao gol. Posso jogar pelas beiradas ou pelo meio, dependendo do esquema tático”, explicou.

O que poucos sabem sobre o novo meia é que o meia começou a jogar bola no próprio São Paulo. Thomaz entrou no futsal do clube e depois foi para o campo.

Entre os 9 e 11 anos, Thomaz disputou competições internas do futebol social. Depois disso, fez testes nas categorias de base, onde foi aprovado e ficou até os 16. “Eu me sinto voltando para casa. Foi aqui que coloquei na cabeça que seria jogador”, disse.

“Era impossível rejeitar ou deixar passar esta oportunidade. Ainda mais sendo um pedido do Rogério. É uma alegria muito grande e espero retribuir tudo isso dentro de campo”, completou.

No Jorge Wilstermann-BOL, o meia jogava com Alex Silva, ex- zagueiro do São Paulo, que o incentivou a vir para o Brasil. “Ele me disse que aqui é de outro mundo.”

Trocas

Para esta fase do Estadual, Rogério Ceni fez três trocas. Saíram: Sidão, Bruno e Lucas Fernandes. Entraram: Lucas Perri, Edimar e Thomaz. A surpresa foi a saída de Sidão. Ele está fora de combate desde o dia 7 de março, com dores nas costas.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*