Minha Cidade, Regional, Sua região

Quarentena reduz em 41% número de acidentes de trânsito no ABC

Quarentena reduz em 41% número de acidentes de trânsito no ABC
Em Santo André, redução no número de acidentes foi de 38%. Foto: Alex Cavanha/PMSA

O isolamento social adotado desde 24 de março no Estado de São Paulo para conter o avanço da pandemia do novo coronavírus reduziu em 41,4% o número de acidentes de trânsito no ABC, segundo dados divulgados nesta terça-feira (26) pelo programa Respeito à Vida, do governo paulista.

O levantamento analisou as estatísticas de 104 cidades acompanhadas pelo Sistema de Monitoramento Inteligente (Simi) entre os dias 24 de março, início da quarentena, e 30 de abril. Como Rio Grande da Serra está fora do Simi, os dados do município não foram incluídos no estudo.

No período, os seis municípios do ABC reduziram de 935 para 548 o número de acidentes nas vias urbanas e rodovias registradas pelo InfosigaSP. Na região metropolitana de São Paulo, a queda foi de 40% no período, de 7.768 para 4.665 ocorrências.

“Os dados mostram mais um aspecto da eficiência do isolamento social no combate ao coronavírus. Os acidentes de trânsito demandam atendimentos de emergência e leitos hospitalares, cada vez mais preciosos no enfrentamento da covid-19. Essa redução ajuda a aumentar a capacidade de atendimento na rede de saúde e salvar vidas”, diz a nota dos responsáveis pelo programa.

No corte geográfico, o município do ABC que registrou a maior redução no número de acidentes foi São Caetano (-53,1%), de 49 para 23. Na sequência aparecem São Bernardo (-45,5%), Ribeirão Pires (-44,2%), Mauá (-39,1%), Santo André (-38,3%) e Diadema (-35,2%).

Nos 104 municípios acompanhados pelo Simi, o número de acidentes caiu de 16,5 mil para 9,7 mil acidentes de trânsito nas 104 cidades analisadas. Em média, o índice de isolamento social foi de 54%, levando à razão de 126 acidentes evitados por dia a cada 1 ponto porcentual de isolamento.

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*