Últimas Notícias

Projeto Empreendedoras Braskem encerra inscrições na próxima sexta-feira

Mulheres com projetos próprios da região do entorno do Polo Petroquímico do ABC podem realizar sua inscrição até a próxima sexta-feira (21), para a segunda edição do Empreendedoras Braskem, programa que incentiva o empreendedorismo feminino e a geração de renda na região. A iniciativa da Braskem, realizada em parceria com a Rede Mu­lher Empreendedora (RME), oferece 40 vagas para capacitação profissional, empoderamento econômico e acompanhamento de mentores profissionais. As inscrições são feitas por meio do preenchimento de formulário pelo link https://pt.surveymonkey.com/r/2TurmaBraskem_Maua

O programa oferece qua­tro dias de atividades presenciais para desenvolver ideias e consolidar negócios, além disso, as mulheres selecionadas são acompanhadas de perto por profissionais qualificados que esclarecem as principais dificuldades das empreendedoras.

O público-alvo são mu­lheres que residam na região do Polo Petroquímico do ABC, que já empreendem (formal ou informalmente) ou tenham vontade de empreender, que não tenham participado da primeira turma. Para confirmar a inscrição, é necessário comparecer a uma palestra sobre empreendedorismo feminino aberta a comunidade que acontecerá no dia 3 de março, às 10h, no CEU das Artes do Jardim Ana Maria, localizado na Praça Venâncio Neto, 489.

“Apoiar empreendimen­tos de mulheres é uma missão que cumprimos há dez anos na RME. Promovemos conhecimentos pa­­ra que as empreendedoras sobrevivam, conquistem autonomia financeira e mudem suas vidas e de todos à sua volta. Nos unirmos a parceiros estratégicos garante que alcancemos cada vez mais mulheres, incentivando-as a multiplicar o conteúdo aprendido”, destacou Ana Fontes, fundadora da RME.

Para Flávio Chantre, geren­te de Relações Institucionais da Braskem, “o empoderamento das mulheres é um dos pilares que seguimos na Braskem. É uma satisfação poder externar um valor presente na companhia para a comunidade. Promover a independência financeira feminina e aumentar a geração de renda local para processo de transformação cada vez mais profundo da região”.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*