Diadema, Minha Cidade, Sua região

Projeto contribui para formação de artistas

Aulas incluem incluem linguagem musical, musicalização e introdução à dança. Foto: Divulgação

Oitenta jovens de Diadema em estado de vulnerabilidade social, entre 10 e 17 anos, iniciam sua formação teórica e prática em música e dança a partir deste mês com a inauguração do Núcleo de Desenvolvimento Cultural da White Martins.

O espaço promove aulas de segunda a quinta-feira, com carga horária de 6 horas semanais, que incluem linguagem musical (identificação de ritmo, arpejos, notas), musicalização (aulas de violão com leitura de cifras e partitura), expressão corporal, introdução à linguagem da dança (aprendizado de jazz e ballet) e anatomia (compreensão completa dos limites do corpo). A capacitação tem duração de oito meses e será concluída com apresentações abertas ao público, como forma de democratização e acesso à cultura.

A equipe do projeto – formada, entre outros profissionais, por professores e pedagogos – é elaborada em parceria com a Secretaria de Educação de Diadema, para garantir a qualidade do ensino e do aprendizado. Agentes comunitários são responsáveis pela primeira etapa de seleção dos alunos, que contempla uma apresentação do projeto para os adolescentes e seus familiares.

A segunda fase inclui entrevistas para verificar a aptidão do candidato, sua renda familiar e histórico escolar. Os interessados podem fazer inscrição na própria sede da iniciativa (rua 21 de abril, 173, Diadema), e os alunos recebem gratuitamente uniformes, transporte e cesta de alimentação.

“Nosso objetivo é proporcionar o desenvolvimento intelectual e comportamental desses jovens. Além disso, contribuímos para a melhoria de seu desempenho escolar, acompanhando de forma próxima suas notas, que devem ser de, no mínimo, 7 para cada disciplina. Para alcançar estes parâmetros, em muitos casos, nossos colaboradores ministram aulas de reforço de matemática e português”, comenta Thiago Kling, gestor do projeto. O núcleo ainda promove reuniões periódicas com pais e professores para avaliação de resultados, bem como pesquisa de satisfação com estes públicos para aprimoramento do programa.

“Acreditamos que esta iniciativa proporcionará uma importante formação educacional para os jovens. Esta é uma oportunidade para que os alunos, por meio do aprendizado de ritmos e instrumentos, vislumbrem futuras carreiras no mundo das artes e se tornem multiplicadores do conhecimento adquirido”, analisa Carolina Werneck, gerente de Comunicação e Sustentabilidade da White Martins.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*