Economia, Notícias

Programa habitacional do Estado é apresentado no ABC

Garcia: “Programa tem política de subsídio muito forte”. Foto: Vinícius Fonseca/Divulgação

O secretário estadual da Habitação, Rodrigo Garcia, apresentou ontem (27) o Programa de Lotes para empresários do ABC. A exposição ocorreu durante o encontro do se­tor imobiliário realizado pelo Sin­dicato da Habitação de São Paulo (Secovi-SP) e pela Associação de Construtores, Imobiliárias e Administradoras do ABC (ACIGABC) na Fundação Santo André.

O programa permite a aquisição – por famílias com renda entre um e cinco salários mínimos – de lotes com subsídio do governo do Estado de até 90% do valor da área. A inscrição de áreas está aberta até 30 de novembro.

Segundo estimativa do governo do Estado, o programa deverá movimentar R$ 700 milhões na economia paulista. Desse total, R$ 365 milhões serão investidos pela Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU) e o restan­te, gerado pela compra de materiais para construção.

O subsídio parte de 10% do valor dos terrenos para famílias de quatro a cinco salários mínimos e vai até 90% para as famílias com renda de um mínimo. O restante do valor dos lotes será financiado pela CDHU, com prazo de até sete anos. A Secretaria da Habitação também vai oferecer plantas de moradias de diversos tamanhos.

Os lotes devem custar de R$ 25 mil a R$ 35 mil, com no mínimo 125 m² e 5 m de frente. Os beneficiados não podem ter sido atendidos em outro programa habitacional.

“Este programa tem política de subsídio muito forte. As famílias vão comprometer apenas 5% da sua renda para ter a propriedade do seu lote”, afirmou Garcia.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*