Brasil, Editorias, Notícias

Presidente da Enel Brasil deixa o cargo e empresa anuncia substituto

Antonio Scala, que tem 18 anos de trajetória na empresa, assume o posto de Nicola Cotugno

Segundo a Enel, saída de Cotugno deveria ocorrer em outubro, mas foi prorrogada. Foto: Reprodução Youtube
Segundo a Enel, saída de Cotugno deveria ocorrer em outubro, mas foi prorrogada. Foto: Reprodução Youtube

A Enel Brasil anunciou nesta quinta-feira (23) que o presidente da companhia, Nicola Cotugno, deixou o cargo. Em seu lugar assume Antonio Scala, que atua há 18 anos na companhia. Cotugno, segundo a empresa, deixa o grupo italiano e se aposenta depois de cinco anos no cargo.

A substituição ocorre após a empresa virar alvo de críticas por deixar milhões de pessoas sem luz em razão de temporal que ocorreu no último dia 3 de novembro. A demora no restabelecimento da energia levou, inclusive, à criação da CPI da Enel na Assembleia Legislativa.

A concessionária informou que saída de Cotugno foi definida em reuniões de Conselho das distribuidoras e da Enel Brasil em outubro. Para apoiar o processo de substituição e as recentes contingências, o executivo prorrogou a sua saída para 22 de novembro.
“Até que sejam concluídos os trâmites administrativos necessários para nomeação de Antonio Scala, o presidente do Conselho de Administração, Guilherme Gomes Lencastre, assumirá a posição de forma interina”, informa a empresa.

A Enel destacou que no período que Cotugno esteve à frente da concessionária promoveu a transição energética em diversas frentes, com o incentivo à mobilidade elétrica e parcerias para eletrificação sustentável de grandes empresas e cidades. “No mercado livre, nos últimos cinco anos, a companhia mais do que triplicou o vo­lume de energia entregue.”

Antonio Scala entrou na Enel em 2009 como responsável de Gestão de Risco para Gerenciamento de Energia na Itália. Também atuou como Responsável de Desenvolvimento Industrial e de Serviços de Energia para o mercado residencial no País. Em seguida, ocupou a função de chefe de Planejamento e Controle de Global Trading e liderou a Enel Green Power na América do Sul. Formado em Administração de Empresas em 2002 em Roma, Scala atuou como Sócio Júnior na McKinsey & Company com foco nas áreas de energia, gás e finanças corporativas.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe eu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*