Minha Cidade, São Bernardo do Campo, Sua região

Prefeitura de São Bernardo lança Operação Guarda-Chuva

A Prefeitura de São Bernardo lança hoje (9) a Operação Guarda-Chuva 2016/2017, voltada à prevenção de desastres e perdas por conta de enchentes e deslizamentos no período chuvoso. A cerimônia, com o prefeito Luiz Marinho, será realizada às 16h no Salão Nobre do Paço Municipal, no 19º andar. O tema deste ano é “Sua Participação Ajuda a Salvar Vidas”. A operação se estende até 15 de abril.

Desde 2009, a Administração definiu série de ações e estruturou sua atuação na gestão de riscos de forma contínua e integrada. Entre as iniciativas estão o programa Drenar, voltado ao combate às enchentes, ampliação dos serviços de limpeza e manutenção da drenagem urbana, coleta de resíduos sólidos, obras de contenção de encostas em áreas vulneráveis mapeadas pelo Plano Municipal de Redução de Riscos (PMRR), e procedimentos para garantir mais rapidez e eficácia nas ações emergenciais de resposta a eventuais acidentes.

Vítimas fatais
Desde o lançamento da operação, em novembro de 2010, a cidade não mais registrou acidente com vítimas fatais. A operação compreende as seguintes ações preventivas para informação, organização e mobilização das comunidades:

a) Operação “Informar para Prevenir”: Serão realizados mutirões, com distribuição de materiais informativos e reuniões comunitárias regionais de informação em todas as áreas em situação de risco e ampla informação na cidade por meio de outdoors, inserções no site da Prefeitura, Jornal Notícias do Município, blog da Defesa Civil e imprensa;

b) Operação “Alerta Sai de Casa”: Foi montada rede de refúgios e de equipes de voluntários da Defesa Civil, assim como de membros dos Núcleos Comunitários de Proteção e Defesa Civil (Nupdecs), para auxiliar as famílias das áreas de risco a sair de casa nos momentos de chuvas intensas;

c) Operação “Remoção Preventiva de Famílias em Risco 4”: Monitoramento continuado para avaliação da situação de risco pela Defesa Civil, com a interdição das moradias e remoção das famílias onde for identificado risco muito alto (Risco 4).

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*