Minha Cidade, São Bernardo do Campo, Sua região

Prefeitura de São Bernardo inaugura salas de parto humanizado no HMU

Entrega do Centro de Parto Normal e Ambiência contou a presença de autoridades políticas. Foto: Divulgação/PMSBCA Prefeitura de São Bernardo inaugurou, ontem (2), a reforma de adequação do Centro de Parto Normal e Ambiência no Hospital Municipal Universitário (HMU), na avenida Bispo César Dacorso Filho, 161, Rudge Ramos. Referência na atenção à gestante e no atendimento humanizado, o complexo hospitalar é o primeiro da região a ser reconhecido com certificação da Organização Nacional de Acreditação (ONA), que atesta a qualidade dos serviços de saúde prestados no local.

Com recursos do Ministério da Saúde, o equipamento recebeu duas novas salas individuais de pré-parto sob conceito de concepção humanizada, ofertando métodos não farmacológicos para alívio das dores, além de instrumentos que ampliam o conforto das gestantes. Nas salas, as camas são apropriadas para ser adequadas à posição de escolha da paciente. Também são disponibilizadas banquetas para parto de cócoras, com espaço para descanso de acompanhante.

“Este hospital é referência e o primeiro da região receber a certificação da ONA. Isso é fruto do esforço coletivo e, com certeza, vai elevar ainda mais o conforto e a tranquilidade das pacientes. As novas salas trazem conceitos modernos, além dos aprimoramentos que as mulheres precisam”, enfatizou o prefeito Orlando Morando.

Emocionada, a diretora do HMU, Mônica Carneiro, ressaltou o ineditismo da certificação concedida ao hospital. “É um momento especial para o HMU, porque estamos sendo reconhecidos por um esforço de toda uma equipe em prol das gestantes. Demos o primeiro passo e sabemos que podemos dar um passo muito maior.”

Atualmente, o HMU ostenta coeficiente de apenas de 6,8 óbitos infantis por mil nascidos vivos, enquanto a média da cidade é de 10,1. “Estamos com o desafio de colocar o coeficiente de mortalidade infantil abaixo de 7, compatível com índices de países de primeiro mundo. São Bernardo vem batendo recorde atrás de recorde, graças, principalmente, ao serviço que é realizado aqui”, salientou o secretário de Saúde,  Geraldo Reple.

Inaugurado em 1999, o espaço é o único da cidade a aplicar o método canguru, baseado no cuidado humanizado ao recém-nascido prematuro. O local também conta com total de 128 leitos e média de 400 partos por mês – sendo 60% naturais – 862 colaboradores e 137 prestadores de serviço. No local, também são realizados cerca de 830 procedimentos mensais, entre atendimentos na maternidade, ginecológico, obstetrícia clínica, entre outros.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*