Minha Cidade, São Bernardo do Campo, Sua região

Prefeitura de São Bernardo implementa ponto eletrônico facial nos equipamentos de Saúde

Prefeitura de São Bernardo implementa ponto eletrônico facial nos equipamentos de Saúde
Sistema foi adotado para modernizar gestão e fiscalizar frequência de médicos e demais funcionários das unidades municipais. Foto: Ricardo Cassin/PMSBC

A Prefeitura de São Bernardo implementou, no último dia 1º, o novo Sistema de Controle de Ponto por Reconhecimento Facial nas unidades de Saúde. O objetivo é modernizar a gestão e ampliar a fiscalização da frequência de todos os funcionários terceirizados pela Fundação do ABC (FUABC), entre médicos, enfermeiros, auxiliares técnicos e demais colaboradores. O procedimento permite os registros de ponto, em tempo real, garantindo controle efetivo e transparente sobre horários e presenças dos funcionários.

Para o prefeito Orlando Morando, a medida está alinhada às diretrizes previstas em seu plano de governo, com implantação de tecnologia de informação nas unidades. “Prezamos pela transparência e pela boa Administração. Estamos implantando o que há de mais eficaz no mercado de Recursos Humanos, nos adequando ao que exige o Ministério Público (MP) e Tribunal de Contas do Estado (TCE)”, avaliou o chefe do Executivo.

O investimento para a implantação do sistema é de aproximadamente R$ 15 mil por mês. O mecanismo foi testado por um mês e, atualmente, está em vigor em todas as Unidades de Pronto-Atendimento (UPA) e para os demais funcionários do Departamento de Urgência e Emergência. Até o final do ano, os 4.420 terceirizados da FUABC, que trabalham nas 103 unidades de Saúde de São Bernardo, incluindo as UBSs, estarão inseridos no novo sistema.

“Nosso objetivo é garantir que os trabalhadores cumpram suas jornadas, com o registro correto de suas atividades e horários. Isso garante também seus diretos e deveres. A população, por sua vez, passa a ter mais um instrumento a seu favor, da fiscalização dos serviços de Saúde”, explicou o secretário de Saúde,  Geraldo Reple.

COMPLEXO

Os demais colaboradores da Saúde, contratados para o Complexo Hospital da São Bernardo – que engloba o Hospital Pronto-Socorro Central (HPSC), Hospital de Clínicas (HC), Hospital Municipal Universitário (HMU) e Hospital Anchieta – já utilizam sistema semelhante de controle eletrônico de frequência.

COMO FUNCIONA

Por meio de um terminal de computador com câmera fotográfica ou um tablet, o funcionário se aproxima, efetua seu login e senha, registra sua foto e o seu ponto eletrônico. “Todo esse processo não demora mais do que vinte segundos. Outra vantagem do sistema é a confiabilidade e a segurança nos dados apresentados em relatórios gerados, uma vez que permite também a localização geográfica dos funcionários, confirmando que estão, de fato, na unidade de saúde conforme jornada contratada”, completou Morando.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*