Diadema, Minha Cidade, Sua região

Prefeitura de Diadema inaugura sexto ecoponto

Equipamento localizado na Vila São José tem capacidade para receber até dez sacos de entulho por morador. Foto: DivulgaçãoA Prefeitura de Diadema inaugurou, na noite de ontem (25), o sexto ecoponto da cidade. Outros cinco estão em obras. Juntamente com o equipamento que foi entregue em abril, os investimentos somam R$ 1,1 milhão. O ecoponto está localizado na avenida Corredor ABD, Vila São José, ao lado do Núcleo Habitacional Naval.

De acordo com o DLU, o novo Ecoponto Naval foi estrategicamente construído em uma região de aproximadamente 8 mil domicílios. A estimativa do órgão é que o ponto seja bastante utilizado pela população, já que a área era um dos pontos de maior despejo ilegal de entulhos e bagulhos da cidade. Outra questão que deverá estimular a procura pelo novo posto de coleta é que o mesmo está situado no Corredor ABD, um dos principais corredores de trânsito do município.

A líder comunitária Maria Isabel Ferreira dos Santos comemorou a novidade. “Espero que a comunidade se reúna e ajude a manter o lugar, manter bonito como está”, afirmou. Com esse novo ecoponto, a prefeitura passa a oferecer à população seis locais adequados para o descarte legalizado de resíduos sólidos e inservíveis.

“Estamos construindo esses novos ecopontos em áreas públicas e em pontos viciados de desova de entulhos e bagulhos”, explica José Marcelo Marques, secretário de Serviços e Obras de Diadema. “Com os novos ecopontos, a Prefeitura está adequando o município ao Plano Regional de Resíduos Sólidos, para os próximos 20 anos”, destacou o secretário.

Segundo o DLU, muitas vezes a própria população contrata um serviço, paga pelo recolhimento do entulho e acredita que o seu resíduo está tendo um destino correto, no entanto, esses prestadores de serviços não habilitados enganam os moradores e despejam o resíduo em um ponto qualquer da cidade.

Além de manter a cidade limpa, os ecopontos da prefeitura servem para evitar que a população seja lesada por esses sujões. No site do Programa Diadema de Cara Limpa (www.diadema.sp.gov.br/caralimpa) estão todos os endereços dos ecopontos e a lista das empresas legalizadas para recolhimento de caçambas de entulho, no município.

No que se refere a entulho, o ecoponto tem um limite de até 1 m³, ou seja, no máximo 10 sacos por morador, semanalmente. Para quantidades maiores que essas, os munícipes devem contratar empresas especializadas na retirada de entulho. Além de resíduos de construção civil, os ecopontos também aceitam terra, bagulhos e podas de árvores. Quanto aos recicláveis como papel, vidro, metal e plástico, os mesmos depois de recebidos pelo ecoponto serão encaminhados às cooperativas de catadores.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*