Diadema, Minha Cidade, Sua região

Prefeitura de Diadema entrega novo prédio do Centro POP e retoma Consultório de Rua

Leite, padre, Josa, Patty, Filippi e Inês Maria, durante entrega do Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua. Foto: Divulgação/PMD
Leite, Josa, Patty, Padre Julio Lancellotti, Filippi e Inês Maria, durante entrega do Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua. Foto: Divulgação/PMD

A Prefeitura de Diadema entregou nesta sexta-feira (21) novo equipamento público votado às pessoas em situação de rua. O Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centro POP), que funcionava na Avenida Alda, passou para amplo espaço na Antonio Piranga, 1088, na região central, e agora conta com capacidade para 70 atendimentos por dia.

O equipamento disponibiliza série de serviços, dentre os quais orientação e aco­lhimento com assistentes sociais, educadores sociais e psicólogos, cursos profissio­nalizantes, além de orientação para retirada de documento e ingresso em programas so­ciais (como o Bolsa Família).

Os frequentadores do serviço têm à disposição banheiro e chuveiros, café da ma­nhã, almoço, guarda-volumes, área de atividades coletivas com TV, serviço de lavanderia. Os diferenciais do novo equipamento são o espaço para guarda de carrinho de coleta de reci­cláveis e canil.

As obras para adequação do espaço foram esforço conjunto de várias secretarias, levaram dois meses e mais de 40 pessoas participaram. A fachada do espaço conta com obra do artista visual Pixote Mushi, a qual representa a diversidade de pessoas e histórias encontradas nas ruas, e o acolhimento do Centro.

DIGNIDADE

Presente ao evento, o prefeito José de Filippi destacou que o novo Centro Pop é um local para recuperação da dignidade. ”Este é o espaço para exercer a esperança que temos de que é possível criar uma sociedade melhor”, pontuou.

Segundo a vice-prefeita e secretária de Assistência Social e Cidadania, Patty Ferreira, o trabalho foi intenso e gratificante de se fazer. Patty destacou, ain­da, que foi feito censo junto aos moradores em situação de rua e muitos responderam que preferiam continuar onde estavam a frequentar o Centro por conta de não ter espaço para pets e pela situação da estrutura.

“Fiquei ‘arrepiada’ pela falta de atendimento que essa população tinha e o espaço que era oferecido a ela. Desqualificava o serviço e os funcionários eram subutilizados por não conseguirem fazer o atendimento de forma humanizada, com o apoio de psicólogos e assistentes sociais, pois o local não permitia. Com base no censo resolvemos criar um espaço que proporcionasse diversas oportunidades a esse público, como o local para banho, o canil, e o café da manhã, pois temos padaria no espaço”, afirmou.

Durante o evento online, o presidente da Câmara e autor da indicação para mudança do Centro POP, Josa Queiroz, afirmou que a implementação do novo espaço é uma importante ação de inclusão e demonstra o caminho que vai ser trilhado pelo governo.

“Fizemos a indicação em razão do estado de abandono físico, não de profissionais, do antigo Centro POP, que não dava condições de atendimento das pessoas que estavam pedindo ajuda. Em quatro meses e alguns dias esta administração já mostrou a que veio, que estamos no caminho certo e que é possível mudar a condição de vida da população”, pontuou.

Maria Isabel Nascimento do Santos, 32 anos, que passou pela situação de rua, destacou a importância do Centro na recuperação de sua vida. “Faz um ano que eu saí da rua. O Centro POP me deu os primeiros degraus para voltar à sociedade e à minha casa. Voltar para minha filha, arrumar um trabalho e ter uma vida descente. Na rua eu conheci o lado horrível do ser humano, mas também o lado bom. Não sabia como sair daquilo e os profissionais do Centro POP me ajudaram muito. Sou fruto desse trabalho”, des­tacou Maria Isabel.

Gestão José de Filippi traz de volta Consultório de Rua

A Prefeitura de Diadema anunciou, nesta sexta-feira (21), a retomada do Consultório de Rua, atendimento voltado às pessoas em situação de extrema vulnerabilidade criado em 2009 e supenso na gestão Lauro Michels. Entre as atividades desenvolvidas pelo serviço estão o acolhimento e o atendimento integral das demandas de saúde como abordagens, trabalho de desenvolvimento de vínculos, cadastramento; consultas, curativos, medicações e encami­nhamentos à rede de saúde.

“A desativação deixou essa população desassistida. Uma população vulnerável e que vem crescendo em Diadema a cada dia. Hoje estamos trazendo de volta a esse público a oportunidade de ter sua saúde assistida. Essa ação é potencializada a partir do momento que trabalhamos de forma integrada (entre secretarias), como temos feito com a Secretaria de Assistência social na implementação do Centro POP e retorno do Consultório de Rua, o que tem trazido muitos resultados positivos”, destacou a secretária de Saúde, Rejane Calixto.

A equipe do Consultório de Rua é formada por enfermeiro, psicólogo, técnico de enfermagem, profissionais especializados na redução de danos e motorista. Apesar de as ações serem itinerantes, neste primeiro mo­mento o Consultório ficará basea­do na UBS Paineiras.
“Hoje entregamos mais uma promessa da campanha do prefeito José de Filippi. Esperamos fazer um trabalho que corresponda às necessidades da população”, destacou a secretária.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*