Diadema, Minha Cidade, Sua região

Prefeitura de Diadema cria giro cultural no centro da cidade

No Centro de Memória serão representadas esquetes teatrais, pelos  funcionários do espaço, contando a história de Diadema. Foto: Eberly LaurindoUm tour pelos os espaços culturais do Centro da cidade, no qual a população vai conhecer, saber como funcionam e quais serviços que oferecem. Esse é mais um projeto que a Prefeitura de Diadema lança hoje (14), às 9h, e que será executado pela Secretaria de Cultura.

O Giro Cultural Diadema inicia suas atividades com dois roteiros: um que começa pelo Centro Cultural Diadema (CCD) e outro pelo Museu de Arte Popular (MAP/Diadema). O tour será realizado às terças e quintas-feiras, às 9h e às 14h, e uma terceira visita vai acontecer em um sábado de cada mês, nos mesmos locais. Cada grupo fará um roteiro.

“Além da divulgação dos espaços, mostrar o que representam para a nossa cidade, e do fomento da atividades artística-cultural, outro objetivo do programa é a formação de público”, afirmou o secretário de Cultura, Eduardo Minas. A ação começa atendendo alunos da rede municipal de ensino, estudantes entre 7 e 10 anos, que chegam por intermédio de outro programa municipal, “Cidade na Escola”, desenvolvido pela Secretaria de Educação.

Para o Giro Cultural que vai acontecer no sábado, sempre às 14h, o público-alvo é a população e os participantes de outra iniciativa educacional do município, o “Escola Social/Sábado na Escola”, que tem como frequentadores também alunos da rede pública e seus pais. Esse programa permite que as unidades escolares fiquem abertas nos finais de semana, propiciando ações de lazer, esporte e cidadania para a comunidade.

Por edição, o projeto levará até 160 pessoas para fazer os roteiros culturais. Os integrantes dos grupos serão acompanhados por clowns, que no papel de guias darão todas as explicações sobre os locais visitados, suas histórias e atividades que realizam. Os participantes terão oportunidade de ver exposições de arte e artesanato, assistir contações de histórias, palestras sobre a memória da cidade e atrações de dança e de música.

Os participantes também vão se integrar com os agentes que realizam as atividades nos espaços culturais. Por exemplo: ao visitar o CCD, onde os bailarinos da Cia de Danças Diadema fazem seus ensaios, poderão participar de uma aula aberta. Ao conhecer o corpo estável de músicos da Banda Lira Musical de Diadema, na Casa da Música, podem tocar nos instrumentos, conhecer o som de cada um. Na Biblioteca Olíria de Campos Barros, interagir em uma mediação de leitura.
Eventos especiais

Com a implementação do Giro Cultural Diadema foram criadas duas atividades que vão funcionar exclusivamente para atender ao projeto. No Centro de Memória serão representadas esquetes teatrais, pelos funcionários do espaço, contando a história de Diadema. No Museu de Arte Popular (MAP/Diadema) vai acontecer a mostra “Pequeno Museu”, em que obras representativas do acervo serão apresentadas aos participantes, com explicações sobre o autor, sua origem, e de que material a peça foi produzida.

O Giro Cultural Diadema também poderá ser feito por grupos ligados a comunidade, associações, ongs e igrejas. As visitas devem ser agendas com 15 dias de antecedência pelo telefone 4072-9314, no horário das 9h às 17h.

Roteiros:

Roteiro 1 – inicia com visita e atividades no Centro Cultural Diadema, Teatro Clara Nunes, passando pela Companhia de Danças de Diadema, Biblioteca Olíria de Campos Barros e sendo concluído nos ateliês do Espaço Cândido Portinari.

Roteiro 2 – inicia no Museu de Arte Popular (MAP/Diadema) com breve explicação sobre o acervo, passando pela Casa da Música, onde tomarão contato com os diversos cursos oferecidos, Centro de Memória de Diadema com esquetes teatrais sobre a História de Diadema e o encerramento com performance da Banda Lira Musical de Diadema.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*