Editorias, Notícias, Turismo

Praia sem perrengue – Broa Golf Resort

No Broa Golf Resort, em Itirapina, hóspede desfruta atividades refrescantes sem o sufoco do litoral lotado
Situado em uma área de geografia privilegiada, ao la­­­do da Represa do Broa, o resort é ideal para quem deseja interagir com a natureza e curtir momentos de tranquilidade com a família. Foto: Divulgação

As praias são o destino certo da maioria das pessoas durante o verão, mas o clima quente também combina com o Interior paulista, onde é possível desfrutar passeios refrescantes sem os per­rengues do litoral cheio.

Uma dessas “praias do Interior” está distante 215 km da Capital. Trata-se do Broa Golf Resort, localizado em Itirapina, simpática cidadezinha do Centro-Oeste paulista.
Situado em uma área de geografia privilegiada, ao la­­­do da Represa do Broa, o resort é ideal para quem deseja interagir com a natureza e curtir momentos de tranquilidade com a família. Antes de conhecer suas instalações, é bom riscar a palavra “tédio” do dicionário, já que há ativida­des – náuticas e radicais – para todas as idades.

No Broa Golf Resort, em Itirapina, hóspede desfruta atividades refrescantes sem o sufoco do litoral lotado
A relação de atrações é extensa é inclui paintball, tirolesa, escalada, passeios de bicicleta e caiaque, arco e flecha, tênis, golfe, skibunda e cavalgada, entre outras . Foto: Divulgação

A relação é extensa é inclui paintball, tirolesa, escalada, passeios de bicicleta e caiaque, arco e flecha, tênis, golfe, skibunda e cavalgada, entre outras atrações, sempre acompanhadas da in­can­sável equipe de monitoria e recreação do resort.

Boa parte das atividades é realizada à beira da bela e exclusiva praia de 300 metros de extensão, de forma que o hóspede pode aproveitar a brisa, a vista e, ao final da tarde, apreciar o be­lo pôr-do-sol proporcionado pe­la Represa do Broa, uma das mais belas do Estado.

Para quem dispensa os esportes de aventura e prefere o contato com a fauna e flora locais, é possível caminhar nas alamedas do resort e fotografar os animais típicos da região, como a seriema.

Outro ponto forte do Broa Golf Resort é seu restaurante, comandado pelo chef José Uilson Santana, que mescla pratos internacionais e regionais. Os pacotes preveem quatro refeições: café da manhã, almoço, chá da tarde e jantar.

O resort oferece 80 confortáveis e aconchegantes apartamentos com vista pa­ra a represa. Todos são equipados com ar-condicionado, telefone, TV por assinatura, frigobar e wifi gratuito. A infraestrutura completa permite a realização de eventos sociais, corporativos e culturais.

O Broa também oferece a opção de “day use”, que permite ao visitante aproveitar a infraestrutura do resort sem a necessidade de pernoite.

Informações: (19) 3575-1136 e www.broagolfresort.com.br.

 

No Broa Golf Resort, em Itirapina, hóspede desfruta atividades refrescantes sem o sufoco do litoral lotado
Convertido em cinema, Buffalo é um dos itens do acervo. Foto: Anderson Aamaral

Museu abriga réplicas e aeronaves clássicas

Um trenzinho puxado por um trator que trafega por caminhos cui­dadosamente arborizados leva os visitantes a um dos principais atrativos do Broa Golf Resort: o Aeródromo de Itirapina e o Museu Aeronáutico Arruda Bo­telho. O espaço abriga réplicas de aviões lendários, como o Demoiselle, de Santos Dumont; e modelos reais, como o Trojan T-28.

O acervo inclui ainda um Xavante, avião usado para treinamento da Força Aérea Brasileira; e o Buffalo, aero­nave também usada pela FAB e que foi convertida em um cinema. A tela exibe filmes que contam a história de Fernando de Arruda Botelho, empresário morto em 2012 que dá nome ao espaço.

Proprietário do Broa e acio­nista do Grupo Camargo Corrêa, Botelho era um entusiasta da aviação e pilotava suas aeronaves. O Demoiselle reconstruído sob sua supervisão chegou a ser exposto no Estados Unidos em 2006, ano em que o voo de Santos Dumond no 14-bis completou um século.

Botelho morreu em um acidente de avião a poucos metros do hangar. O empresário pilotava um Spitfire de sua coleção quando a aeronave teve problema técnico e caiu, explodindo no solo.

Capaz de receber aviões de médio porte, o aeródromo recebeu 12 edições do Broa Fly In, um dos maiores eventos do setor do país, criado por Botelho.

Itirapina possui mais de 20 cachoeiras

Itirapina possui mais de 20 cachoeiras
Cachoeira do Saltão tem queda d’água de 75 metros. Foto: Divulgação

Simpática e acolhedora cidade do Centro-Oeste paulista, Itirapina ganhou visibilidade depois que a Honda a escolheu para abrigar sua segunda fábrica de veículos no país – a unidade, aliás, sequer começou a produzir, quatro anos depois. Até então, pouca gente conhecia a abundância de atrações naturais do município.

Localizada a 215 km da Capital, Itirapina tem atrações de sobra. Os amantes de ecoturismo ficarão loucos ao descobrir que um único destino abriga mais de 20 cachoeiras, de diferentes tamanhos e quedas d’água.

O Mirante das Águas, por exemplo, abriga em seus 22 mil metros quadrados as cachoeiras do Monjolinho, com 12 metros; a da Ferradura, com 47 metros; e a mais famosa, a do Saltão, com queda de 75 metros.

Como chegar

Acesse a Rodovia dos Bandeirantes e, depois, entre na Washington Luís, passando por Rio Claro. Depois, pegue o acesso para Itirapina. São mais 10 km até a cidade. (

O repórter viajou a convite do Broa Golf Resort.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*