Esportes, Futebol, Paulistão

Por expulsão em 2016, Mina desfalcará o Palmeiras na estreia da Copa Libertadores

Mina tem sido poupado pelo Palmeiras nesta temporada.Foto: Cesar Greco/Agência PalmeirasO Palmeiras não poderá contar com uma importante peça em sua engrenagem para a estreia na Copa Libertadores, na próxima quarta-feira, contra o Atlético Tucumán-ARG. Trata-se do zagueiro Mina.

O colombiano não estará à disposição do técnico Eduardo Baptista porque, em sua última participação no torneio continental, no ano passado, quando ainda defendia o Independiente Santa Fe-COL, levou um cartão vermelho no confronto diante do Cerro Porteño-PAR.

O lance responsável por tirar o defensor da estreia neste ano ocorreu na última rodada da fase de grupos. O Santa Fe foi eliminado da competição ao perder para os paraguaios por 1 a 0. Os dois times faziam parte do grupo do Corinthians.

Mina foi expulso pelo árbitro brasileiro Héber Roberto Lopes de maneira polêmica. O juiz interpretou maldade do defensor ao subir para uma disputa, de cabeça, com o atacante Guillermo Beltrán e deixar propositalmente o braço no rosto do adversário.

Neste ano, o Palmeiras tem tratado o atleta com cautela para evitar lesões musculares. Diante da Ferroviária, no último sábado, por exemplo, Mina acabou sendo poupado.

Contratado em maio do ano passado pelo Palmeiras, o jogador chegou ao clube após a disputa da Libertadores pelo Santa Fe e teve problemas de lesão nas duas coxas – a última delas, na perna direita, no confronto diante do Vitória, pelo Brasileirão.

Poucos jogos

Por causa dessa precaução, o camisa 26 alviverde só disputou duas partidas até o momento nesta temporada.

O colombiano esteve presente na goleada por 4 a 0 sobre do Linense e na derrota para o Corinthians por 1 a 0. A tendência é que Mina seja titular no jogo contra o Red Bull, amanhã.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*