Esportes, Libertadores

Por Copa Libertadores, Renato faz apelo ao Santos para não negociar jogadores

Renato teme que Santos perca atletas importantes. Foto: Ricardo Saibun/Santos FCRenato comemora a classificação do Santos para a Copa Libertadores, mas avisa que o objetivo do time é terminar o Campeonato Brasileiro entre os três primeiros colocados e fugir da repescagem da competição continental.

De olho na Libertadores, Renato pediu para os dirigentes do Santos não negociarem os seus principais jogadores na próxima temporada, como aconteceu com Geuvânio e Gabriel neste ano.

“É muito bom voltar para a Libertadores e agora tentaremos a vaga direta, mas não podemos fazer um campeonato bom e perder jogadores importantes depois. Isso faz com que seja necessária uma reformulação. Queríamos ter ficado com Geuvânio e Gabigol, que estavam adaptados. A base é fundamental com reforços que somem em qualidade. A gente bate nessa tecla”, afirmou Renato.

Lucas Lima, Zeca e Thiago Maia sempre estão na mira de clubes do exterior, mas nenhuma proposta oficial chegou pelo trio nesta temporada. Ricardo Oliveira recebeu proposta do futebol chinês no início deste ano, mas a diretoria não liberou o veterano.

O Santos vê muitos benefícios em voltar a disputar a Libertadores, competição da qual não participa desde 2012. Nos bastidores, a diretoria santista promete trazer alguns medalhões para reforçar o elenco, estratégia diferente da dos dois primeiros anos de mandato do presidente Modesto Roma.

Em 2015 e 2016, a cúpula alvinegra apostou nas categorias de base e em reforços mais modestos, principalmente em jogadores livres no mercado. A estratégia nestes anos foi contratar atletas pagando apenas salários, sem investir em direitos econômicos.

A diretoria do Santos também acredita que a classificação para a Libertadores ajudará a manter os seus principais astros do elenco, entre eles o meia da seleção brasileira Lucas Lima e os campeões olímpicos Zeca e Thiago Maia.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*