Esportes, Futebol, Paulistão

Palmeiras leva sustos, mas derrota o Red Bull

Borja e Roger Guedes comemoram gol palmeirense no Moisés Lucarelli. Foto: Marcos Bezerra/Futura Press/FolhapressO Palmeiras não teve vida fácil em seu último teste antes da estreia na Copa Libertadores. Ontem (3), em um gramado encharcado após muita chuva no Moisés Lucarelli, a equipe comandada por Eduardo Baptista até começou bem, mas caiu de rendimento e tomou sustos do Red Bull Brasil. No fim, porém, conseguiu a vitória por 3 a 1 graças aos gols marcados por Willian, Roger Guedes e Borja. Evandro anotou o tento dos mandantes.

Com o resultado positivo, o Palmeiras se isola ainda mais na liderança do Grupo C do Campeonato Paulista. Agora, o time alviverde soma 15 pontos em sete partidas, com cinco vitórias e duas derrotas. O Red Bull, por sua vez, se mantém na terceira posição do B, com apenas cinco pontos.

O Palmeiras estreia na Libertadores na quar­ta-feira, contra o Atlético Tucumán-ARG, às 21h45 (de Brasília), no Monumental José Fierro. O rival participou das fases prévias do torneio continental e foi o último a integrar o Grupo 5, que conta com Jorge Wilstermann-BOL e Peñarol-URU.

A ideia de Eduardo Baptista era usar a partida como teste para a estreia do Palmeiras na Libertadores. No entanto, um problema fez o técnico mudar a equipe. Fora dos dois últimos treinos por conta de uma indisposição, o meia Michel Bastos foi opção no banco, dando lugar ao lateral esquerdo Egídio – assim, Zé Roberto foi deslocado para o meio. Outra alteração, essa já esperada, foi Edu Dracena como titular, já que Mina carrega suspensão de sua última participação no torneio continental.

 

RED BULL BRASIL 1 X 3 PALMEIRAS

Gols: Willian, aos 8 do 1º tempo; Roger Guedes, aos 20; Evandro, aos 42, e Borja, aos 48 minutos da 2ª etapa. Árbitro: Vinicius Furlan. Estádio: Moisés Lucarelli, em Campinas, ontem à noite.

RED BULL BRASIL

Saulo; Lucas Taylor, Willian Magrão, Luan Peres e Thal­lyson; Alison, Fillipe Soutto e Elvis; Nixon (Bruno Al­ves), Elton e Rodrigo. Técnico: Alberto Valentim.

RED BULL BRASIL

Prass; Jean, Edu Dracena, Vitor Hugo e Egídio; Felipe Melo, Keno (R.Guedes), Zé Roberto, Guerra (Michel Bastos) e Dudu; Willian (Borja). Técnico: Eduardo Baptista.

 

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*