Esportes, Futebol

Palmeiras e Flamengo travam duelo por Bernard

Com planejamento acelerado, o Palmeiras quer fechar o elenco do próximo ano até o final desta temporada. O clube, porém, começa a briga por reforços com um concorrente direto na corrida pelo título do Brasileiro.

O Palmeiras sondou o atacante Bernard, 24 anos, que é titular no Shakthar Donetsk-UCR e, ontem (20), marcou um gol na vitória, por 5 a 0, sobre o Gent-BEL, pela Liga Europa. Ao procurar o empresário do atleta, o clube soube que o Flamengo também está no páreo.

O Palmeiras negocia com os ucranianos e tem a informação de que será difícil a transferência por empréstimo. O esforço, no entanto, se dá por um pedido especial do técnico Cuca, que trabalhou com atleta no Atlético-MG. Os dois foram campeões da Copa Libertadores, em 2013.

Bernard ficou famoso também durante a disputa da Copa das Confederações, no Brasil, em 2013. O técnico Luiz Felipe Scolari disse que gostava do atleta porque ele “tem alegria nas pernas”. Bernard também fez parte do elenco que disputou a Copa do Mundo em 2014.

Na janela do meio do ano, o Shakhtar recusou proposta de 25 milhões de euros (quase R$ 100 milhões) do Porto. Bernard foi contratado por R$ 75 milhões em 2013 e re­cebe R$ 1 milhão mensais.

Mais três

Com outros três jogadores, as negociações estão bem avançadas. Do Coritiba, o Palmeiras vai trazer o meia Raphael Veiga, 21 anos, e está próximo de fechar com o zagueiro Juninho, 21.

O Palmeiras ganhou o leilão pelo atacante Keno, 27, do Santa Cruz. O jogador – que esteve na mira do Santos – vai fechar por com o clube alviverde por quatro anos.

Bernard recebe R$ 1 milhão mensais na Ucrânia. Foto: Arquivo

Prioridade do Allianz Parque deveria ser o futebol, diz Dudu

Um dia após o técnico Cuca reclamar, o meia-atacante Dudu também manifestou indignação sobre a situação do gramado do Allianz Parque. Ontem (20), em meio aos apagões ocorridos na sede do clube, o capitão do Palmeiras reclamou das condições do campo de jogo alviverde.

O camisa 7 reclamou da grande quantidade de shows realizados no local. Somente na última semana, o tenor Andrea Bocelli e a banda Aerosmith se apresentaram no Allianz Parque, prejudicando o gramado.

“Temos um campo de futebol e a prioridade deveria ser futebol, não shows”, disse Dudu, que vê o gramado como motivo para a queda de rendimento do time.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*