Economia, Notícias

Pagamento do 13º salário de assalariados injeta R$ 2,4 bi na economia do ABC

Quem trabalha com carteira assinada deve receber a primeira parcela do 13º salário até amanhã (30) – a segunda deve ser credi­tada até 20 de dezembro.

Esse dinheiro extra – chamado de “gratificação de Natal” quando foi criado, em 1962 – é um direito garantido a todos os trabalhadores que tiveram ao menos 15 dias de emprego registrado em carteira ao longo do ano.

No ABC, o pagamento destinará R$ 2,369 bi­lhões a pouco mais de 740 mil traba­lhadores com carteira assinada, segundo estimativa feita pelo Diário Regional.

Desse valor acredi­ta-se que 15% (R$ 355,4 mi­­lhões) foram antecipada­mente pagos ao longo do ano, seja de­vido às férias, seja porque o adiantamento do abono é previsto no acordo coletivo.

Somente o pagamento do 13º salário aos 71 mil traba­lhadores da base do Sindicato dos Me­talúrgicos do ABC vai injetar R$ 424,9 milhões na economia da região, segundo estimativa elaborada pela subseção do Dieese do sindicato.

APOSENTADOS

Assim como os trabalhadores com carteira assinada, os aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) também têm direito ao 13º salário.

Serão destinados outros R$ 931,5 milhões a 462,4 mil be­ne­ficiários da Previdência na região, dos quais metade já foi paga juntamente com o benefício de agosto.

A segunda parcela do 13º co­meçou a ser depositada na última segunda-feira (26) e vai até 7 de dezembro, juntamente com a folha de pagamento de novembro.

A segunda parcela corresponde a 50% do valor de cada benefício, mas é sobre ela que pode incidir o Imposto de Renda.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*