Mauá, Política-ABC

Oliveira toma posse em Mauá prometendo priorizar emprego; oposicionista assume Câmara

Oliveira toma posse em Mauá prometendo priorizar emprego; oposicionista assume Câmara
Oliveira: “Ao fim de meu mandato quero ter a consciência tranquila por ter feito mais do que poderíamos”. Foto: Reprodução/Facebook

O prefeito eleito de Mauá, Marcelo Oliveira (PT), foi oficialmente empossado na manhã desta sexta-feira (1º) para o mandato 2021-2024. O petista foi eleito no segundo turno, com 50,74% dos votos, derrotando o então chefe do Executivo, Atila Jacomussi (PSB). A cerimônia também marcou a posse do vice-prefeito Celma Dias (PT) e dos 23 vereadores eleitos para a legislatura 2021/2024.

“Chego neste momento para enfrentar o maior desafio de minha vida, ciente das responsabilidades que tenho pela frente. Tenho uma dívida de gratidão com Mauá, que acolheu meus pais quando vieram do Nordeste, e agora tenho a oportunidade de retribuir o que a cidade fez por minha família. Tenho certeza de que meu saudoso pai, Chicão, já falecido, está orgulhoso acompanhando este momento. Por isso, não posso errar”, disse Oliveira, durante sessão solene presidida pelo vereador mais votado da cidade, Alessandro Martins (PDT).

“Ao fim de meu mandato quero ter a consciência tranquila por ter feito mais do que poderíamos para melhorar a qualidade de vida das pessoas e resgatar a autoestima da população. Nossa prioridade será a geração de empregos e renda, com a retomada do crescimento, a valorização das empresas, a qualificação dos trabalhadores e a articulação para trazer mais negócios”, prosseguiu Oliveira.

O prefeito ressaltou ainda que a pandemia de covid-19 “está longe de acabar”. “Infelizmente, a projeção de especialistas é de que a nova onda será ainda mais devastadora, tornando nossa missão mais desafiadora. Só quem teve a covid-19, como eu, ou perdeu um parente ou amigo sabe o quão terrível é essa doença. Por isso, vamos reestruturar a rede de saúde e formar um comitê de enfrentamento à covid-19.”

O petista prometeu retomar o orçamento participativo – marca das gestões petistas – e revelou que vai encaminhar à apreciação da Câmara projeto de reforma administrativa, que visa “enxugar a máquina pública e torná-la mais eficiente e com menos gastos”. “Tenho certeza de que os vereadores entendem que esse é um dos passos necessários para melhorar a qualidade de vida da população”, afirmou Oliveira, que prometeu dialogar com os vereadores e respeitar a autonomia dos poderes.

PRESIDÊNCIA DA CÂMARA

O “novato” José Carlos da Silva Martins, o Zé Carlos Nova Era (PL), foi eleito presidente da Câmara para a legislatura 2021-2024. Assim, a Casa terá um oposicionista no comando, já que o partido de Zé Carlos deu apoio à candidatura de Jacomussi. O também oposicionista Erismar Soares, o Mazinho (Patriota), será o vice-presidente.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*