Minha Cidade, São Bernardo do Campo, Sua região

Obras habitacionais avançam em São Bernardo

Obras habitacionais avançam em S.Bernardo
Morando confirmou entrega das obras para setembro de 2019. Foto: Gabriel Inamine/PMSBC

Com obras iniciadas no final do ano passado, os condomínios residenciais Frei Tito e Nelson Mandela, ambos no bairro Cooperativa, em São Bernardo, seguem em ritmo acelerado, atingindo mais de 20% execução. A previsão é que os projetos habitacionais, atualmente em fase de alvenaria, sejam concluídos em setembro de 2019. A projeção de entrega foi confirmada nesta quarta-feira (2) durante vistoria realizada pelo prefeito Orlando Morando (PSDB) e pelo secretário de Habitação, João Abukater.

O projeto prevê a edificação de 500 unidades habitacionais no condomínio Frei Tito e outras 300 no Nelson Mandela, em terreno adquirido pela Associação Centro de Formação Popular Frei Betto. A obra está orçada R$ 76,3 milhões, com recursos dos programas Minha Casa, Minha Vida e Casa Paulista, do governo estadual, além de contrapartida de R$ 211 mil da prefeitura. A contratação das empresas, supervisão das obras e financiamento dos empreendimentos é feita pela Caixa Econômica Federal.

“Projetos sólidos na área habitacional, que buscam caminhos dentro da lei, têm o nosso respeito e recebem todo apoio. Além de ser avalista junto com a Caixa, a prefeitura também entrará com a infraestrutura do sistema viário e implantaremos uma área de lazer, me parceria com os moradores”, explicou o chefe do Executivo.

Atualmente, 250 operários atuam no canteiro de obras, com projeção de atingir 600 trabalhadores até o final da construção. A empresa responsável pelo projeto é a P4 Engenharia.

As moradias serão destinadas a famílias com renda mensal de até R$ 1,8 mil, público-alvo do programa Casa Paulista. Os beneficiados terão 120 meses para quitar o imóvel, cuja prestação mínima é de R$ 80 por mês e a máxima de R$ 270 mensais. As 800 moradias serão distribuídas entre o Sindicato dos Funcionários Públicos de São Bernardo, Movimento dos Sem-Teto Urbano de São Bernardo e Centro de Formação Popular Frei Betto.

Quando concluídos, os apartamentos contarão com 53 m², piso cerâmico em todos os cômodos, azulejos na cozinha e do banheiro, medição individualizada de água, acessibilidade e elevadores. O condomínio contará com infraestrutura urbana completa, pavimentação, paisagismo, iluminação pública, redes de água, esgoto e elétrica, quadra poliesportiva, playground, área de lazer, centro comunitário e espaço para estacionamento.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*