Uncategorized

Negociação entre bancários e Fenaban prossegue hoje

A reunião realizada ontem (27) com a participação de representantes do Comando Nacional dos Bancários e da Federação Nacional do Bancos (Fenaban) para discutir o reajuste salarial da categoria foi suspensa sem acordo entre as partes. As conversas terão prosseguimento hoje pela manhã.

A paralisação dos bancários entra hoje no 23º dia, su­perando o número de dias parados (21) no ano passado.

A Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT) in­formou que a Fenaban propôs modelo de negociação com validade de dois anos (para 2016 e 2017).

Os bancários pedem a reposição da inflação acumulada nos 12 meses anteriores à data-base (9,62%) mais aumento real de 5%. A Fenaban ofereceu aumento de 7% mais o pagamento de abono de R$ 3.300.

Essa proposta dos bancos foi apresentada no começo da greve, no dia 9 de setembro, e foi considerada insuficiente pela categoria, porque não cobre a inflação.

“Nossa orientação é para que a greve continue forte em todo o país”, disse Roberto von der Osten, presidente da Contraf-CUT e um dos coordenadores do Comando Nacional dos Bancários.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*