Esportes, Paulistão

‘Não podemos errar’, diz meia do Água Santa sobre últimas rodadas

‘Não podemos errar’, diz meia do Água Santa
Fabrício: “Elenco do Água Santa é muito qualificado”. Foto: Michael Sanches/Água Santa

A três rodadas do encerramento da primeira fase do Campeonato Paulista, o Água Santa soma dez pontos e ocupa a segunda colocação do Grupo A da competição, cinco atrás do líder Santos. Porém, ao mesmo tempo em que está na zona de classificação para as quartas de final do Esta­dual, o Netuno está apenas três pontos acima da zona do rebaixamento.

Se a competição terminasse hoje, Ponte Preta e Oeste – times da mesma cha­ve do Água Santa – seriam os times rebaixados à Serie A2, ambos com sete pontos.

Essa situação preocupa o meia Fabrício, principalmente porque, nas últimas três rodadas, a equipe de Diadema enfrentará três adversários que, atualmente, também es­tariam na segunda fase do Paulistão: Red Bull Bragantino, líder do Grupo D, fora de casa; Mirassol, segundo colocado do C, na Arena Inamar; e, por fim, Palmeiras, segundo lugar do B, no Allianz Parque.

“Não podemos errar. O Paulista é um campeonato mui­to equilibrado. Os resul­tados da última rodada mos­traram que tudo é possível. Não é comum o lanterna derrotar o líder, mas foi o que aconteceu no jogo entre Santo André e Oeste (1 a 0, no Bruno José Daniel). O Santo André estava invicto em seus domínios”, recordou o meia.

EXPERIÊNCIA

Lateral de origem, Fabrício foi deslocado para a meia nos últimos anos. Com passagens por Internacional, Cruzeiro, Palmeiras e Vasco, entre ou­tros clubes, o atleta sofreu lesão muscular antes mesmo do início do Estadual.

Relacionado desde a terceira rodada, no dérbi diante do Santo André, o jogador entrou no decorrer de duas partidas: contra Corinthians e Guara­ni.

No currículo, Fabrício tem títulos de Campeonato Brasileiro (Palmeiras) e Copa do Brasil (Cruzeiro). Agora, nesta reta final, espera contribuir com sua experiência.

“Nosso elenco é muito qua­lificado, e o clima no Água Santa é o melhor possível. Todos estão focados no objetivo de continuar na Série A1, com a possibilidade de classificação à segunda fase. Temos uma partida difícil contra o Red Bull Bragantino nesta sexta-feira (amanhã), mas já mostramos que somos capazes de enfrentar qualquer equipe do Paulista de igual para igual”, afirmou o meia, referindo-se ao duelo marcado para as 21h30, no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista.

O Água Santa está invicto sob o comando do técnico Pintado. Desde a chegada do treinador ao Inamar, o time soma duas vitórias e quatro empates, com aproveitamento de 55,5%.

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*