Política-ABC, Santo André

Morre o ex-prefeito de Santo André Aidan Ravin

Morre o ex-prefeito de Santo André Aidan Ravin
Aidan recuperava-se em casa, mas voltou a ser internado no final de outubro, por conta de complicações hepáticas. Foto: Reprodução/Facebook

O médico e ex-prefeito de Santo André Aidan Ravin morreu na manhã deste domingo (10), aos 59 anos. O político estava internado no Hospital Brasil e lutava contra problemas hepáticos que se seguiram ao diagnóstico de covid-19. Aidan deixa a esposa Denise e dois filhos.

Diagnosticado com o novo coronavírus, o político foi internado no final de maio no Hospital Christóvão da Gama, onde permaneceu por quase três meses, a maior parte em Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Recuperava-se em casa, mas voltou a ser internado no final de outubro, por conta de complicações hepáticas e sequelas da covid-19.

O velório será realizado na Câmara de Santo André, com acesso restrito a familiares e autoridades. O sepultamento ocorre na segunda-feira (11), às 9h, no cemitério da Vila Pires.

Ginecologista e obstetra, Aidan orgulhava-se de ter feito mais de 9 mil partos na carreira e de 800 crianças terem recebido seu nome.

Aidan elegeu-se vereador em 2004 pelo PDT e, quatro anos depois, já pelo PTB, candidatou-se à Prefeitura de Santo André, derrotando Vanderlei Siraque, então no PT, no segundo turno. Aidan impôs ao adversário uma virada histórica e surpreendente – Siraque esteve muito perto de se eleger no primeiro turno, no qual terminou com 48,90% dos votos válidos.

Sua principal bandeira de campanha era o Poupatempo da Saúde. A promessa se tornou realidade em outubro de 2010, com a inauguração, pelo governo do Estado, do Ambulatório Médico de Especialidades (AME), na Vila Vitória.

Em 2012, Aidan tentou a reeleição, mas foi derrotado pelo petista Carlos Grana no segundo turno. Em 2016, disputou novamente o Paço andreense, mas terminou o primeiro turno na terceira posição, atrás de Grana e Paulo Serra (PSDB), que levou a melhor no segundo turno.

Em 2014, pelo PSB, e 2018, pelo Podemos, Aidan foi candidato a deputado federal, mas não obteve sucesso em ambas eleições.

No ano passado, antes do diagnóstico de covid-19, Aidan filiou-se ao Republicanos e chegou a ser anunciado candidato a vice-prefeito na chapa encabeçada por Ailton Lima (PSB). Porém, debilitado após os três meses de internação, desistiu da disputa majoritária e se lançou candidato a vereador. Com 1.548 votos, não conseguiu se eleger.

A Prefeitura de Santo André emitiu nota de pesar assinada pelo prefeito Paulo Serra e pela primeira-dama, Ana Carolina Serra.

“Com grande tristeza e pesar, recebemos nesta manhã de domingo (10) a notícia do falecimento do ex-prefeito Aidan Ravin, aos 59 anos. Ele estava internado e teve seu quadro de saúde agravado nos últimos dias. Expressamos aqui nossos pêsames a esposa e seus filhos e também a todos os amigos que se despedem agora. Aidan comandou nossa cidade no período de 2009 a 2012, além de ter atuado como vereador na Câmara. Deixa legado como médico da rede municipal de Saúde e também como gestor público”, diz a nota.

O presidente da Câmara de Santo André, Pedrinho Botaro (PSDB), também lamentou a morte do político nas redes sociais. “Nesse momento prestamos nossa homenagem ao homem de fé, ao médico e à autoridade política que o Dr. Aidan foi para história da cidade”, escreveu.

“É com profundo pesar que recebo a notícia do falecimento do ex-prefeito de Santo André Aidan Ravin, aos 59 anos. Um homem público de nossa região, que nos deixa de forma triste e precoce. Que Deus conforte o coração de sua família e amigos”, escreveu o prefeito de São Bernardo, Orlando Morando (PSDB).

2 Comentários

  1. Que Deus dê o conforto a família, este grande medico que muito se dedicou na área da Saúde em nossa Cidade

  2. Meus sentimentos a toda família

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*