Política-ABC, Regional, Sua região

Morando é eleito vice-presidente da Associação Brasileira de Municípios

Posse da nova diretoria da Associação Brasileira de Municípios para mandato de 2018. Foto: Divulgação

O prefeito de São Bernardo e presidente do Consórcio Intermunicipal do ABC, Orlando Morando, foi eleito, nesta quarta-feira (22/03), vice-presidente da Associação Brasileira de Municípios (ABM), para mandato até 2018, durante assembleia extraordinária da entidade, realizada em Brasília. O ex-chefe do Executivo de Várzea Paulista, no Interior de São Paulo, Eduardo Tadeu Pereira, é o atual presidente da associação. Está é a primeira vez que um prefeito da região é alçado para cargo na entidade.

Morando foi eleito pelos integrantes associados da ABM, entidade mais antiga do país, sobre representação de municípios. Foi fundada em 1946 e tem como um de seus principais objetivos a soma de ações dos vários poderes, que constituem a estrutura do governo municipal, visando à constante melhoria das condições de vida da população brasileira. Após ser eleito, o prefeito são-bernardense fez questão de enfatizar que o cargo será “exercido” pelo Consórcio.

“Após o término do mandato, em que houver a alternância na ABM, o Consórcio irá indicar um representante, porque a entendo que é melhor que a representação seja incumbida à entidade que englobe pautas de toda a região e não apenas de maneira individual, por cidade. Tanto o Consórcio, quanto a ABM cuida de interesses coletivos, o que deixa a indicação mais oportuna”, pontuou Morando.
Abrangência regional

Em posse do novo cargo, Orlando Morando espera encampar temas considerados importantes de maior abrangência ao ABC, como, por exemplo, o ressarcimento por parte das empresas de convênios, quando um cidadão é atendimento pela rede pública de Saúde em seu município. A proposta se estende também com cobrança as concessionárias das rodovias, quando ocorrer o atendimento pela rede pública de Saúde.

“Participar de uma entidade, como a ABM, aproxima mais o ABC dos assuntos federativos e desta forma que analisamos este posto”, acrescentou o presidente do Consórcio.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*