Política-ABC, São Bernardo do Campo, Sua região

Morando assina acordo para proteção do Parque Ecológico Imigrantes

O prefeito de São Bernardo, Orlando Morando (PSDB), assinou nesta quinta-feira (22), junto à Fundação Kunito Miyasaka (FKM), termo de cooperação para desenvolvimento de ações ligadas à educação ambiental e proteção do Parque Ecológico Imigrantes (PEI), situado no quilômetro 34,5 da Imigrantes, no bairro Curucutu. Com previsão de inauguração ainda neste ano, o espaço está localizado no coração da mata atlântica e é o primeiro do país a receber a certificação internacional de construção sustentável Aqua-HQE

Para valorizar o espaço, a administração, por meio da Secretaria de Meio Ambiente e Proteção Animal, se comprometeu em desenvolver plano para identificação das potencialidades do parque, assim como suas funções ecológicas. Na prática, a parceria prevê a promoção de ações ligadas à educação ambiental no parque, junto às crianças da rede, e o controle da ocupação irregular do entorno. O acordo estabelece ainda a elaboração de diagnóstico a respeito da identidade do lugar, apontando as potencialidades para a prática de segmentações turísticas (pedagógica, de natureza, rural e cultural).

Um dos diferenciais do parque é sua acessibilidade. O local é um dos únicos do país com trajetos que facilitam a inclusão em atividades de ecoturismo, esportes e aventura. “Esta é uma parceria para o bem-estar dos moradores de São Bernardo. O ambiente permite que cadeirantes possam usufruir, como deveria ser em todos os demais lugares. Por isso estamos fazendo esforço para inibir o crescimento desordenado, freando as ocupações irregulares, com objetivo único de cuidar da nossa mata atlântica e da represa Billings”, destacou Morando.

“Este parque é uma obra de quase dez anos de tra­balho. Como presidente do Instituto Brasil-Japão de Integração Cultural e Social, esta é minha forma de retribuir a recepção que a comunidade japonesa teve quando nossos pais chegaram aqui. Nosso sentimento é de gratidão por podermos oferecer este parque para o Brasil, principalmente para a cidade de São Bernardo”, pontuou Roberto Nishio, presidente da FKM.

PROJETO

Segundo a prefeitura, o projeto do Parque Ecológico Imigrantes foi pensado, projetado e construído respeitando os princípios ideais socioambientais, nos quais a inclusão social está intima­mente relacionada à conservação do meio ambiente. Entre as principais soluções de sustentabilidade está a escolha da madeira plástica para a construção da passarela ele­vada. O material possui alta resistência à umidade e exige baixa manutenção.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*