Diadema, Minha Cidade, Sua região

Moradores de Diadema reclamam de vazamento de esgoto

Água com mau cheiro invadiu todos os cômodos da casa. Foto: Eberly Laurindo

Os moradores da casa 32 na passagem Santa Inês, no bairro Inamar, em Diadema, convivem há quase uma semana com um grande vazamento, dentro dos quartos, sala e cozinha da residência. Construído abaixo do nível de uma caixa de esgoto, o imóvel foi invadido pela água mau cheirosa na última quinta-feira (19), depois de uma forte chuva. Em fevereiro de 2016, o Diário Regional denunciou o mesmo problema (leia em http://migre.me/vVqKq).

“Já tentamos chamar várias vezes a Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo), mas não temos conseguido. Nas poucas vezes em que nos atendem, agendam a visita, mas não aparecem”, relatou a auxiliar de limpeza Rosa Maria Maione. A munícipe conta que já perdeu móveis, roupas e calçados. “Fora o risco para a nossa saúde, minha e do meu filho, que é conviver dentro dessa água suja. Isso é esgoto. A gente pode pegar uma doença”, lamentou.

Em fevereiro de 2016, quando a reportagem do Diário Regional registrou a queixa da munícipe, a Sabesp informou que efetuou a desobstrução da galeria de esgoto e pediu desculpas aos moradores pelo transtorno. Desta vez, a empresa relatou que esteve no local no último dia 21 de janeiro e que a rede de esgoto está operando normalmente, sem vazamentos.  A companhia realizará nova vistoria na manhã de hoje (24).

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*