Uncategorized

Ministério da Educação apresenta base curricular do ensino médio

Na última semana no cargo de ministro da Educação, Mendonça Filho entregou nesta terça (3) a base curricular do ensino médio ao Conselho Nacional de Educação. A chamada Base Nacional Comum Curricular define conteúdos que devem ser ensinados a todos os alunos. O documento orienta escolas do país inteiro na elaboração de currículos, além da produção de livros didáticos.

Atualmente o ensino médio é o maior gargalo da educação brasileira, com desempenho estagnado e altas taxas de evasão e reprovação. O texto referente a essa etapa da educação ainda precisa passar por consulta pública e, depois, será avaliado pelos integrantes do CNE.

A base curricular do ensino médio é organizada pelas seguintes áreas de conhecimento: linguagens, matemática, ciências da natureza e ciências humanas.

O objetivo é garantir que todas as escolas desenvolvam essas habilidades com seus alunos. O currículo, contudo, é definido pelas escolas e redes de educação. Em linha com a reforma do ensino médio, que prevê maior flexibilidade, o texto não traz um detalhamento tão grande dos conteúdos a serem ensinados nessa fase. O governo considera que essa é uma forma de evitar que o aprendizado fique engessado.

Sancionada pelo presidente Michel Temer (MDB) em fevereiro, a reforma do ensino médio prevê flexibilização das disciplinas e aumento da oferta de educação em tempo integral. A reforma do ensino médio estabelece que 1.800 horas (60%) da carga horária total seja destinada ao ensino de disciplinas obrigatórias a todos os alunos, definidas na base comum curricular.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*