Brasileirão, Esportes

Mano reencontra Cruzeiro com chance de afundar mais o rival

Mano reencontra Cruzeiro com chance de afundar mais o rival
Mano orienta jogadores durante treino na Academia de Futebol. Foto: Cesar Greco/Agência Palmeiras

Cerca de 40 dias depois de encerrar passagem de três anos pelo Cruzeiro, o técnico Mano Menezes reencontra neste sábado, às 19h, no Allianz Parque, o clube em que teve o trabalho mais longo da carreira. Com o Palmeiras em ascensão, o treinador revê a Raposa no Allianz Parque e pode contribuir para piorar ainda mais a crise dos ex-comandados.

O Palmeiras vem de vitórias sobre Goiás e Fluminense e depende de um outro resultado positivo para se manter na perseguição a Flamengo e Santos. Se vencer o Cruzeiro, a equipe conseguirá marca importante: 39 pontos ao fim do primeiro turno, seis a mais do que somava na metade do Campeonato Brasileiro do ano passado, quando conquistou o título.

O time mineiro não vive momento tão positivo. A equipe, que acumulou duas derrotas nos últimos jogos, afundou em uma crise nos últimos meses. O clube trocou de técnico, trouxe Rogério Ceni e enfrenta problemas como protestos seguidos da torcida contra os jogadores, a quem acusam de falta de dedicação e desentendimentos no elenco. O rebaixamento é uma ameaça constante.

Além de Mano, o atacante Willian é outro palmeirense com longa passagem pelo Cruzeiro, onde foi duas vezes campeão brasileiro. O jogador lamentou ver o ex-clube em situação financeira difícil. “A gente tem de ser grato por toda segurança no Palmeiras. A gente fica triste pelo noticiário, de atleta tendo de cobrar salário. Seria o mínimo a empresa cumprir com seus deveres”, comentou.

O alviverde conta com os retornos do goleiro Weverton e do zagueiro Gustavo Gómez, dois jogadores ausentes nos últimos dias por estarem em compromissos com suas seleções retornam e devem ser titulares.

PALMEIRAS X CRUZEIRO

Árbitro: Rodolpho Toski Marques (PR). Estádio: Allianz Parque, às 19h. TV: Premiere.

PALMEIRAS

Weverton; Marcos Rocha, Gómez, Vitor Hugo e Diogo Barbosa; Felipe Melo, Bruno Henrique e Gustavo Scarpa; Willian, Dudu e Luiz Adriano. Técnico: Mano Menezes.

CRUZEIRO

Fábio; Orejuela, Fabricio Bruno, Léo e Dodô; Henrique, Jadson (Ariel Cabral), Robinho e Marquinhos Gabriel (David); Pedro Rocha e Fred. Técnico: Rogério Ceni.

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*