Brasil, Editorias, Notícias

Maia diz que candidatura ainda não está madura

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, disse ontem (4) que ainda não é a hora de oficializar sua possível candidatura à reeleição ao cargo. “Minha candidatura precisa amadurecer. Está começando a ficar madura”, disse Maia, após uma série de reuniões com o presidente Michel Temer, com lideranças do PSDB na Câmara e com o ministro tucano José Serra (Relações Exteriores).

Maia também tenta segurar o máximo possível a oficialização de sua candidatura por uma questão jurídica. Admitir que é candidato criaria um fato concreto para que os adversários de Maia na disputa cobrem do STF (Supremo Tribunal Federal) posicionamento sobre o caso.

Maia negou que tenha ido ao Palácio do Planalto para tratar da eleição. “Não sou candidato do presidente Michel Temer. Quero ser candidato dos deputados e deputadas assim que eu decidir sobre a minha candidatura”, disse.

Oficialmente, Temer tem afirmado que não se envolverá no processo de escolha, mas, nos bastidores, o governo federal tem articulado a desistência de candidatos adversários e o apoio de siglas à reeleição. Até agora, por exemplo, o Planalto conseguiu convencer o PSDB e o PMDB a apoiarem Maia e iniciou ofensiva sobre o PP e o PTB.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*