Mulher, Serviços

Mães de primeira viagem: como estimular e desenvolver o bebê desde os primeiros dias de vida?

Algumas atividades muito simples podem estimular os sentidos do recém-nascido. Foto: iStock
Algumas atividades muito simples podem estimular os sentidos do recém-nascido. Foto: iStock

Toda mãe de primeira viagem se pergunta o motivo de alguns bebês se desenvolverem tão depressa, enquanto outros têm alguma dificuldade no processo de desenvolvimento e não conseguem fazer as suas descobertas com tanta facilidade. É preciso ter tranquilidade no processo, e algumas atividades muito simples podem estimular os sentidos do neném, facilitar sua aprendizagem e fortalecer sua autonomia, mas cada indivíduo tem seu próprio tempo e alguns têm mais habilidade em algumas coisas que outros.

Quem pensa que o recém-nascido só precisa mamar, dormir, tomar banho e ter a fralda trocada está muito enganado, pois existem muitas atividades para estimular o desenvolvimento dos filhos desde cedo. O que as mamães não podem de jeito nenhum é comparar seu recém-nascido com outros e ficar frustradas com isso.

Trem das cores

Os bebês adoram as cores e ficam hipnotizados com objetos coloridos, mas não precisa ser nada muito exagerado. Um móbile é uma excelente ferramenta para estimular a visão do recém-nascido, além de brinquedinhos coloridos que se possa mostrar a ele, mesmo que ele não consiga pegar ainda. Brinquedos com música e luzes são ótimos também, mas não a qualquer hora, para não estimular o bebê no momento errado, como na hora de dormir, por exemplo. A ideia é ir testando aos poucos, introduzindo as cores gradativamente e observando a reação do pequeno.

Festa dos sons

A mamãe fala qualquer coisinha e o neném se estica todo para olhar em volta e procurar; já é um sinal que podem ser estimulados pelos sons. Normalmente, os bebês adoram vozes diferentes, que conversam com eles ou cantam, além daquelas musiquinhas alegres, com barulhinhos diferentes com a boca e palmas.

Bebê no chão

O neném pode brincar no chão a partir do primeiro mês, e será muito educativo para ele. Claro que não será no chão puro, o ideal é investir em um tapete de atividades para bebê ou tatame, para que ele esteja seguro. As atividades realizadas no chão irão variar de acordo com a idade dele; nos primeiros momentos, basta colocar alguns brinquedos no chão com ele e deixá-lo se aventurar. Com o tempo, pode colocá-lo de bruços um pouco para ele começar a se interessar em engatinhar; quando sentir que o bebê cansou, é hora do treinamento parar.

Conversinhas gostosas

Sabe aquelas conversinhas gostosas na hora do banho? Elas são muito saudáveis para o recém-nascido. A mamãe pode ir narrando o que está fazendo, falando as partes do corpo do bebê e acostumando ele com o som das palavras. Claro que ele não vai entender o que é um pezinho ou uma barriguinha, mas ele entende que a mamãe está dizendo algo, vai se acostumando com as palavras, e no futuro, tudo fará sentido para ele.

Leitura

Mesmo que o seu bebê não entenda o que você está lendo, a leitura pode ser feita para qualquer idade, principalmente aquelas historinhas com bastante entonação. Ele vai adorar ouvir sua voz, sons diferentes e vai adquirir um hábito muito saudável, que é imaginar um mundo de possibilidades que as histórias trazem.

Por meio das brincadeiras, o neném se desenvolve de forma amorosa e agradável, além de descobrir seus potenciais, do que gosta e não gosta. O afeto materno é tudo que ele precisa nos primeiros anos de vida, com paciência e carinho, para entender que tudo tem seu tempo e seu bebê está fazendo o melhor dele. Respeitar seus limites e particularidades é um grande gesto de amor.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*