Minha Cidade, Santo André, Sua região

Jornada Pedagógica aprimora profissionais que trabalham nos Cesas

Jornada Pedagógica aprimora profissionais que trabalham nos Cesas
Atividade acontece até quarta-feira (25) no Parque Escola; equipe dos Centros Educacionais de Santo André é responsável por 4 mil atendimentos a crianças entre 4 e 10 anos. Foto: Helber Aggio/PSA

Nesta segunda-feira (23), o auditório da Escola de Educação Ambiental Parque Tangará – Parque Escola, na Vila Valparaíso, abrigou a cerimônia de abertura da primeira Jornada Pedagógica dos Cesas (Centros Educacionais de Santo André). Até quarta-feira (25), vão passar por aprimoramento profissionais responsáveis pelas aulas das 22 modalidades de cursos oferecidos no contraturno aos estudantes da rede municipal de ensino. Neste ano, a equipe de profissionais dos Cesas é responsável por 4 mil atendimentos a crianças entre 4 e 10 anos, por meio do programa Ações Complementares.

“O alvo principal da gestão é o pessoal que está na ponta, a comunidade, que precisa de um atendimento de qualidade e cuidadoso. Ações como esta vão totalmente ao encontro desta preocupação da administração, ao oferecer aos profissionais a oportunidade de melhorar a qualidade de seu trabalho e, com isso, trazer mais alegria às crianças da rede municipal de ensino e aos usuários dos Cesas”, afirmou o vice-prefeito e secretário interino de Educação, Luiz Zacarias. Cerca de 80 profissionais vão participar da programação composta por palestras.

Os cerca de 50 recreacionistas, educadores e monitores do programa de Ação Complementares estão participando da Jornada, bem como os recreadores que atuam nos Cesas durante os finais de semana. Também foram convidados a participar os educadores do programa Mais Saber, que estende em duas horas diárias a permanência de 1,7 mil alunos da rede na escola, e os voluntários do Programa Sou Amigo dos Cesas, que ministram cursos para a comunidade.

“O objetivo da Jornada é qualificar e ampliar o repertório do grupo de profissionais, por meio do contato com novas práticas, a troca de experiências e a reflexão sobre o trabalho”, afirmou o gerente dos Cesas, Márcio “Tubarão” Ribeiro. Para isso, foi desenvolvida programação composta por nove palestras, uma delas ministrada pelo especialista em educação física escolar,  Tiago Aquino “Paçoca”, coordenador pedagógico do curso de pós-graduação em Lazer e Recreação da FMU (Faculdades Metropolitanas Unidas), que abriu a Jornada.

Segundo o gerente dos Cesas, os temas das palestras foram escolhidos de acordo com demanda apresentada pelos próprios profissionais. “Os educadores também puderam escolher quais as palestras que querem assistir”, explicou. Entre os temas estavam “Atividades Inclusivas” e “Práticas Psicomotoras e o Desenvolvimento Intantil”.

AÇÕES COMPLEMENTARES

O programa Ações Complementares oferece atividades de esporte e artes para os alunos das escolas municipais fora do horário letivo, nos doze Cesas da cidade. Neste ano, o programa trouxe novas modalidades como tênis de mesa, tênis de campo, parkour, grafite, caratê, boxe recreativo, cinema e manbol (um esporte que surgiu no Pará e é praticado com duas bolas ovais), além das modalidades já tradicionais, que são capoeira, taekwondo, dança, balé, circo, xadrez, natação, teatro, ginástica artística e atletismo.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*