Esportes, Futebol

Jean ganha confiança e pode bater faltas no Choque-Rei

Beneficiado com a contratura muscular na coxa direita de Sidão, o goleiro Jean fez, diante do Linense, na rodada passada, sua segunda partida como titular do São Paulo.

A estreia havia ocorrido contra o CRB, na última quarta-feira. Apesar de ter sido pouco exigido nessas partidas, o goleiro afirma que se sente cada vez mais “relaxado” na meta tricolor.

“Fiquei muito tempo sem jogar, quase três meses. A cada jogo que passa, vou pegando mais confiança e ritmo de jogo”, afirmou Jean.

Com seu companheiro sem prazo de recuperação, Jean vai defender o gol tricolor no clássico contra o Palmeiras, na próxima quinta-feira, no Allianz Parque.

Fã do ex-goleiro Rogério Ceni, especialista em fazer gols de falta, Jean não descarta se espelhar no ídolo e arriscar uma cobrança no Choque-Rei, caso o técnico Dorival Júnior permita.

“Vou treinar durante a semana. Se surgir a oportunidade e eu estiver confiante, vou pedir para bater”, avisou.

Contra o CRB, pela Copa do Brasil, no Morumbi, Jean teve a autorização do treinador para bater uma falta da entrada da área, mas não se sentiu confiante. O goleiro chegou a ir até o meio-campo, mas desistiu em seguida.

Nenê

O meia Nenê, de 36 anos, perdeu a titularidade na equipe do São Paulo para Valdívia diante do CRB, pela Copa do Brasil. O bom desempenho do até então suplente fez com que o ex-vascaíno fosse mantido fora da equipe contra o Linense (vitória tricolor por 2 a 1).

O camisa 7 se mostrou incomodado com a reserva. “Eu preferia estar jogando e trabalho para isso a cada dia. Porém, é uma situação que faz parte e, infelizmente, não sou eu que decido”, afirmou o são-paulino.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*